USO DE IMAGEM

Amante de Alberto Youssef entra na Justiça contra filme Lava Jato; se ganhar, Nelma Kodama quer doar dinheiro para creche em MT

DA REDAÇÃO

A amante do doleiro Alberto Youssef, a doleira Nelma Kodama, presa nas primeiras fases da Operação Lava Jato, deflagrada pela Polícia Federal, em março de 2014, acionou seus advogados para pedir participação nos lucros do filme “Polícia Federal – A Lei É para Todos” pelo uso de sua imagem, diz nota do jornal Folha de São Paulo.

Caso ganhe, de acordo com a reportagem, Kodama pretende doar o dinheiro para a creche Casa da Criança Higino Penasso, em Canarana, Mato Grosso, que leva o nome do seu avô.

PRECAUÇÃO

A produção do filme afirma que ainda não foi notificada sobre a pretensão e diz que preparou “orçamento e advogados” para possíveis ações na Justiça. Com informações de Folha de São Paulo.


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 12 de setembro de 2017 às 06:53:07
  • 12 de setembro de 2017 às 06:52:37

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.