http://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2018/02/diego-saporski.jpg

Prounim - 12 Fórum de responsabilidade
Cuiabá, quarta, 19 de setembro de 2018

Comportamento humano e seus dilemas

DIEGO SAPORSKI

Arquivo Pessoal

O ser humano é considerado a “máquina” mais perfeita existente no nosso mundo. Porém algumas pessoas precisam de um “recall”, como máquinas, quando percebem que não estão em seu perfeito estado.

Mesmo sendo único em sua essência, o ser humano carrega em sua mente uma bagagem muito complexa, cheia de sentimentos e preocupações. Com tantos afazeres assim, o ser humano pode entrar em “pane” e desenvolver alguma consequência mental e social.

A depressão pode ser uma dessas “panes” que como máquinas, podemos apresentar. Algo que foge do controle mental e passa a afetar o corpo fisicamente. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), cerca de 11,5 milhões de pessoas possuem depressão, no Brasil. A doença é mais grave do que podemos imaginar.

Outro fator, que influencia muito no comportamento humano é relacionado à ansiedade. De acordo com a OMS, o Brasil é recordista mundial em prevalência de transtornos de ansiedade: 9,3 % da população sofre com esse problema.

O mais preocupante é que a depressão e a ansiedade podem levar a morte, ao suicídio, ao isolamento e a agressividade.

Existem vários tipos de depressão. Aquela que se esconde por anos, a que te deixa preso em um quarto escuro e tantas outras que não conseguimos explicar, pois cada um a sente de sua forma. Assim como a depressão, a ansiedade é de cada um, cada sentimento acumulado a ela pode ter um resultado diferente.

O tratamento e a busca pela ajuda é o “recall” que nós como “máquinas”, devemos buscar. A depressão e a ansiedade podem ser desenvolvidas por “defeitos” que explodem e danificam a nossa mente. Seja resultado daqueles momentos frágeis e difíceis que acabam a tornando aparentes em diversas atitudes relacionadas ao pânico, medo, descontrole emocional e agressividade.

Talvez superar um dilema como este seja um grande desafio para o comportamento humano. Aceitar que o “recall” é uma doença, pode não parecer fácil. Porem a aceitação pode ser o inicio da cura.

Diego Saporski

Jornalista e Bacharel em Direito 

Veja Mais


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *