http://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2018/04/Festival-Braseiro.jpg

Cuiabá, segunda, 23 de abril de 2018

NESTE SÁBADO

Carne suína estará presente no festival Braseiro

ASSESSORIA DE IMPRENSA

Assessoria de Imprensa

A Associação dos Criadores de Suínos de Mato Grosso (Acrismat) participará da quarta edição do festival Braseiro. O evento que acontecerá no sábado (14) a partir das 12h, no Rancho Dourado, localizado bairro Jardim Ubatã, região central de Cuiabá contará com a presença de 240 churrasqueiros voluntários com a missão de assar quatro toneladas de cortes especiais de bovino, suíno, aves, peixe e cordeiro.

Os amantes da carne suína poderão saborear a proteína em três estações diferentes, dentre os pratos servidos estão o Leitão à Paraguaia, a Porchetta, a Costela Suína e o Suinishi Suíno.

Para o diretor executivo da Acrismat, Custódio Rodrigues, é importante participar deste tipo de evento para divulgar a carne suína e mostrar outros cortes e diferentes maneiras de prepará-los. “É uma forma de incentivarmos o consumo da carne suína e  apresentar toda a sua versatilidade, mostrar o tanto que ela combina com o churrasco. Além de ser uma proteína muito benéfica à saúde é também muito saborosa e sem restrições para consumo”, pontua.

O evento tem finalidade social e assim como em edições anteriores todo o lucro arrecadado será destinado a instituições de caridade aqui de Cuiabá. “É um incentivo a mais para o pessoal participar, já que além de poder provar diversos pratos de proteínas diferentes tem ainda o lado social, já que toda a renda do evento será doada a instituições de caridade aqui da capital”, conclui Rodrigues.


2 respostas para “Carne suína estará presente no festival Braseiro”

  1. dauzanades disse:

    A carne suína largamente consumido nas Américas e outros países, não é tão saudável assim. Pois no ocidente nos países como Japão e outros países avançados, não se consomem carnes suínas e até bovinas. Pois ambas são extremamente nocivas a saúde. Mas o rótulo e a imposição comercial, fazem estas informações se inverterem. Baste verem que o cachorro não como carne suína crua e os que comem carne bovina tem uma aparência envelhecida.
    É aquela velha questão. Se esta envenenado, se causam doenças ou outros males não importa, o que importa é vender e ganhar dinheiro, assim como os laboratórios de medicamentos que pagam para monitorar as redes e retirar de lá todas informações sobre remédios e métodos que funcionam, pois é da doença que eles vivem assim como o seguimento destas consequências.

  2. Amilton disse:

    Espetacular seu site. Muito bom mesmo esse conteudo. Show ! Quanto custa pra ter um site como o seu?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.