http://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2017/04/pescado-S.-Leverger-e1526473855113.jpg

Campanha Shopping Popular
Cuiabá, sábado, 17 de novembro de 2018

SANTO ANTÔNIO DE LEVERGER

65 kg de pescado irregular são apreendidos em Mato Grosso

HANNAH MARQUES / ASCOM SEMA-MT

Sema-MT

Fiscais da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) fizeram a captura de 65 Kg de pescado irregular na manhã desta terça-feira (15.05), na região de Santo Antônio de Leverger (34 Km ao sul de Cuiabá). Os peixes apreendidos eram das espécies: Pintado, Jaú, Dourado e Pacu, que foram doados para a Escola Municipal Senhorinha Ana Alves de Oliveira, localizada no bairro Jardim Vitória, em Cuiabá.

Segundo o coordenador de Fiscalização de Fauna da Sema, Júlio Reiners, o infrator foi pego em flagrante fazendo o transporte irregular dos pescados, que estavam fora de medida adequada e com marcas de rede, material que é proibido na pesca. ”Além de estar fazendo uso de equipamento ilegal, o pescador fazia o deslocamento inadequado sem nenhum tipo de licença de transporte e cuidado com o armazenamento dos peixes”, destaca o coordenador.

O infrator foi detido e encaminhado para a Delegacia Especializada do Meio Ambiente (Dema), para que sejam tomadas as providências necessárias.

Regras da pesca

Embora esteja fora do período de defeso da piracema estadual, os pescadores profissionais e amadores precisam seguir algumas regras determinadas pela Lei Estadual nº 9.096/2009. Ela estabelece a proibição para uso de apetrechos de pesca como: tarrafa, rede, espinhel, cercado, covo, pari, fisga, gancho, garateia pelo processo de lambada, substâncias explosivas ou tóxicas, equipamento sonoro, elétrico ou luminoso.

As medidas mínimas dos peixes constam na carteira de pesca do Estado e algumas delas são: piraputanga (30 cm), curimbatá e piavuçu (38 cm), pacu (45 cm), barbado (60 cm), cachara (80 cm), pintado (85 cm) e jaú (95 cm).

Denúncias

O cidadão pode denunciar a pesca predatória e outros crimes ambientais à Ouvidoria Setorial da Sema: 0800-65-3838/ou via WhatsApp no (65) 99281-4144. Outros telefones para informações e denúncias: (65) 3613-7394 (Setor Pesca), nas unidades regionais da Sema ou aplicativo MT Cidadão.

Veja Mais


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 16 de maio de 2018 às 08:31:01

Uma resposta para “65 kg de pescado irregular são apreendidos em Mato Grosso”

  1. dauzanades disse:

    Está cheio de denuncias em Poconé, Cáceres, Sto Antônio, Barão e muitas outras. Aviões descem em pistas de fazendas e levam centenas de quilos para SP e demais estados. Todo mundo sabe, já denunciou, filmou, fotografou… mas acontece que eles só pegam que não da a caixinha no caso da SEMA. O que sai de peixe é um absurdo todos os dias. Mas como estamos em MT, onde o R$ fala por tudo e todos. sem exceções…
    É isto o Brasil é uma mentira desde sua descoberta e continuara sendo até que a população acovardada não partam para o que deveriam ter feito…. A força. Não tem cadeia nem polícia para prederem toda a população.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *