Campanha Conciliação Prefeitura Out/18
Cuiabá, terça, 23 de outubro de 2018

CONCESSÃO DOS AEROPORTOS E AS ELEIÇÕES EM MT

Boa intenção ou oportunismo desmedido

DA REDAÇÃO / MATO GROSSO MAIS

A concessão de 12 terminais aeroportuários no Estado com investimentos federais na ordem de R$ 800 milhões está rendendo negativamente ao governo do estado.

Nesta segunda-feira (04/06), aconteceu a primeira reunião de trabalho para discutir os investimentos nos aeroportos de mato grosso. Não se sabe se por falta de comunicação ou ato intencional, somente o deputado federal Nilson Leitão (PSDB) compareceu nesta reunião, onde segundo informações, lhe seria atribuído todos os louros pela conquista dos recursos federais.

Segundo informações que chegaram a nossa redação, esta atitude por parte do governo do estado acabou causando uma enorme irritação da bancada federal que em conjunto trabalharam para esta conquista, atribuindo o ato como politiqueiro em favor do deputado Nilson Leitão (PSDB). Toda este embaraço causou o cancelamento imediato da vinda do secretário da Anac, Dário Lopes, que alegou motivos pessoais, tão logo soube do que teria que encarar pela frente. Já o deputado Leitão (PSDB), alega que em momento algum o governo do estado excluiu os demais colegas de bancada federal, “todos foram convidados”, disse o parlamentar, uma vez que segundo ele pessoalmente convidou o colega Adilton Sachetti (PRB), os senadores Wellington Fagundes (PR) e José Medeiros (Podemos). Leitão afirma ainda que lamentou todo este mal entendido.

Já a Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra) alega que a ausência do secretário Dário Lopes da Anac pegou a todos de surpresa. O boicote, assim como está sendo chamada no bastidor político a bancada federal, só faz esquentar o processo eleitoral e distancia ainda mais o governador Pedro Taques de importantes lideranças políticas do estado.

Veja Mais


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 5 de junho de 2018 às 09:49:30
  • 5 de junho de 2018 às 09:46:44

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *