http://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2018/08/134995-e1533732021130.jpg

Campanha Plano Unimed Fácil Agosto 18
Cuiabá, segunda, 20 de agosto de 2018

APROVADA NA ALMT

Lei prioriza mulheres chefes de família em programas de habitação

LAURA PETRAGLIA / ASCOM ALMT

JLSiqueira

A Assembleia Legislativa aprovou nesta terça-feira (7) projeto de lei de autoria da deputada estadual Janaina Riva (MDB) que dá prioridade à mulher chefe de família, à mulher idosa e à mulher com deficiência nos programas habitacionais populares de Mato Grosso.

Agora o projeto segue para que o governador Pedro Taques sancione ou vete a lei. Em seu artigo primeiro, o projeto prevê que os programas de habitação popular, implementados ou financiados pelo estado, destinados à população cuja renda familiar varia de zero a três salários mínimos, deverão prever atendimento preferencial às mulheres chefes de família, idosas e mulheres com deficiência, respeitados os critérios da Lei 10.741/2003, Estatuto do Idoso.

“Sabemos que número de mulheres chefes de família é crescente. Muitas abandonadas pelos companheiros e que criam os seus filhos sozinhas, com muito sacrifício. Nada mais justo que a prioridade nas unidades habitacionais seja dessas mulheres e das pessoas idosas, bem como das com deficiência”, explica.

Segunda votação – Ainda na mesma sessão, foi aprovado também em segunda votação o projeto de lei da deputada Janaina Riva que impõe penalidades administrativas às pessoas pela prática de maus-tratos contra animais em Mato Grosso. A lei prevê desde advertência a quem pratica maus-tratos aos animais até o pagamento de multas. A lei também segue para ser sancionada pelo governador Pedro Taques.

Veja Mais


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 8 de agosto de 2018 às 09:39:18

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *