http://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2018/09/1149f93da359256059114a0f7332cda7.jpg

Campanha Unimed Outubro
Cuiabá, quarta, 17 de outubro de 2018

SAÚDE

Reestruturação na Central de Regulação beneficia mais de 3.600 pessoas

ASSESSORIA

Davi Valle

Desde o início da gestão Emanuel Pinheiro, diversas ações de impacto estão sendo realizadas pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) para oferecer humanização, resolutividade e transparência aos serviços ofertados pela Central de Regulação do Sistema Único de Saúde na Capital. A unidade passou por reestruturação na recepção, nos serviços de atendimentos telefônicos, recebeu auxílio de profissionais ‘acolhedores’ e de assistentes sociais para subsidiar as triagens. Essas melhorias, culminaram no sucesso de outro grande avanço da atual administração, o ‘Mutirão de Consultas e Exames especializados’.

A força-tarefa já beneficiou mais de 3.600 pacientes em diversas especialidades. Apenas neste sábado (22), 589 pessoas foram contempladas no Cento de Especialidades Médicas (CEM), durante a 6ª edição do Mutirão. Na oportunidade, foram realizadas consultas e exames em ginecologia, dermatologia, psicologia, ortopedia, otorrinolaringologia, oftalmologia, cardiologia, mastologia, endocrinologia, psiquiatria, neurologia, pediatria, alergia, nefrologia, pneumologia e videonasolaringoscopia.

De acordo com a coordenadora de Regulação, Lileine Lúcia da Silva, seguindo a determinação de atendimento digno e humanizado, preconizado pelo prefeito Emanuel Pinheiro, o Mutirão vem sendo desenvolvido mensalmente e as consultas e exames ofertados são realizados por médicos e especialistas da rede, sempre observando as maiores demandas reprimidas. “Iniciamos com uma fila de pacientes do ano de 2015 e, atualmente, já avançamos para atendimento de pacientes com solicitação do final do ano de 2017 e 2018. A proposta é que possamos diminuir esse tempo em menos de 90 dias de espera, que é o período digno de promoção e diagnóstico de saúde”, explica a coordenadora.

A pensionista Luciene Freitas de 62 anos parabenizou a atuação da gestão e reforçou a informação passada pela coordenadora. “Já aconteceu de eu esperar três anos e meio na fila da Central de Regulação para fazer um exame. Antes era muito difícil, não conseguíamos informações adequadas e ficávamos a mercê da desinformação. Nessa gestão até assustei, pois o médico marcou meus exames em junho e neste mês eu já recebi o telefonema me perguntando se eu queria vir nesse Mutirão. Foi uma benção, que Deus continue abençoando as pessoas que estão conduzindo esse trabalho para que ele não pare mais”, finalizou. 

Veja Mais


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *