http://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2018/09/05014e2204dc82536c83a8db646bdbe6.jpg

Campanha Unimed Outubro
Cuiabá, quarta, 17 de outubro de 2018

SANEAMENTO

Revitalização assegura otimização do sistema operacional da ETE Dom Aquino

ASSESSORIA

Divulgação

Responsável por tratar 17% do esgoto coletado na capital mato-grossense, a ETE Dom Aquino, situada na região do Porto, teve a primeira etapa do processo de revitalização entregue nesta terça-feira (25). O trabalho, executado por meio da parceria entre Prefeitura de Cuiabá e a concessionária Águas Cuiabá, deve resultar na otimização da capacidade operacional da unidade, por conta da realização dos procedimentos de desassoreamento dos tanques e recuperação das estruturas físicas.

As ações desenvolvidas no local fazem parte do projeto “Águas Cuiabá 300 Anos”, o qual prevê a aplicação, no sistema de saneamento básico do município, do valor equivalente a R$ 228 milhões – até o fim de 2019, sendo R$ 131,8 milhões para o esgotamento sanitário e R$ 96,2 milhões para o abastecimento de água. Somente no sistema Dom Aquino, a previsão é de que, ao final, um total de R$ 50,1 milhões sejam aplicados, fazendo com que a unidade conte com uma capacidade suficiente para suportar o crescimento de sua área de abrangência – até o ano de 2042.

Para isso, o trabalho inicial na ETE contemplou a recuperação das estruturas de concreto, da dragagem do lodo acumulado no tanque de aeração, além da sinalização e iluminação da unidade. As obras e ações referentes à segunda etapa de revitalização da ETE Dom Aquino incluirão a substituição e instalação de equipamentos visando à ampliação da capacidade de tratamento para 350 litros por segundo.

“Investir nas estações de tratamento é investir no meio ambiente, na saúde pública e na melhoria da qualidade de vida da população. Temos uma ousada meta de dobrar a capacidade de atendimento da rede de esgotamento sanitário na nossa Capital. No ano passado definimos uma meta e a concessionária vem trabalhando para atingi-la a contento. Esse empenho é de fundamental importância para que possamos avançar nesse quesito, passando um atendimento de cerca de 35% da cidade para pelo menos 65%. A obra na ETE Dom Aquino era extremamente necessária para podermos atender o cidadão com uma maior eficiência e humanização”, comentou o prefeito Emanuel Pinheiro.

De acordo com o diretor geral da Águas Cuiabá, Luiz Fabrianni, o sistema do Dom Aquino coleta e trata o esgoto proveniente de 35 bairros. Desse forma, a estrutura tem um grande colaboração na preservação do Rio Cuiabá, considerado o maior patrimônio natural da cidade. “O ganho de qualidade operacional gerado pela revitalização da ETE, somado às obras de instalação de redes coletoras, que estão em curso em diversas localidades, consistem num importante avanço para a cidade de Cuiabá e seus moradores. Investimento em esgoto significa prevenção em saúde e preservação ambiental”, pontuou Fabrianni.

Esgotamento em números

Cuiabá tem, hoje, dois sistemas de esgotamento sanitário: Dom Aquino e Tijucal. Ambos passam por ações de melhoria e ampliação. O Sistema Dom Aquino, que atende a 48,5 mil pessoas, ao final das obras prioritárias contará com aproximadamente 297 quilômetros de redes coletoras, 11 estações elevatórias e uma estação de tratamento com capacidade de tratar 350 litros de esgoto por segundo, atendendo a 179 mil pessoas. O efluente tratado na ETE Dom Aquino é devolvido ao Rio Cuiabá, dentro dos padrões regulatórios.

O Sistema Tijucal atende a 16 bairros, num total de 31 mil pessoas. Ao final das obras prioritárias, que totalizarão o investimento de R$ 81,7 milhões, contará com 515 quilômetros de redes coletoras, 23 estações elevatórias e uma estação de tratamento apta a tratar 250 litros de esgoto por segundo, atendendo a 100 mil pessoas. O efluente tratado na ETE Tijucal é devolvido ao Rio Coxipó, igualmente atendendo aos padrões regulatórios.

Novas conexões

Passada a fase de instalação de tubulações, ampliação das estações de tratamento e testes operacionais, chegará o momento de os clientes efetuarem a conexão das unidades, tanto residenciais quanto comerciais, às novas redes coletoras de esgoto em Cuiabá. Atualmente a concessionária realiza a instalação das referidas redes nos bairros Alvorada, Bosque da Saúde, Jardim Leblon, Jardim Aclimação, Canjica, Dom Bosco e Campo Verde e comunicará aos clientes, com um mês de antecedência, por meio de informativo impresso, os procedimentos necessários para conectar a unidade consumidora à rede de esgotamento sanitário.

Também participaram da entrega da revitalização da primeira etapa da ETE Dom Aquino o vice-prefeito Niuan Ribeiro e o suplente de vereador por Cuiabá, Antônio Lemes.

(Com informações da Assessoria de Comunicação da Águas Cuiabá)

Veja Mais


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *