http://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2018/12/3c33ba285e637ef8f1822a7c2689fdb9.jpg

Campanha para todas as mulheres - Unimed
Cuiabá, quinta, 21 de março de 2019

PREFEITURA E GOVERNO

‘Pior que com Taques não pode ser’, diz prefeito sobre Mauro

THIAGO ANDRADE

THIAGO ANDRADE

O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) disse acreditar que seu relacionamento com o governador diplomado Mauro Mendes (DEM) será ainda melhor do que o que teve com o governador Pedro Taques (PSDB). O democrata foi convidado pelo emedebista para estar na inauguração do Hospital Municipal de Cuiabá (HMC) no próximo dia 28.

Segundo o prefeito, mesmo que Mauro Mendes não tivesse sido eleito governador de Mato Grosso teria sido chamado para participar da inauguração, já que foi Mendes, como prefeito de Cuiabá, que deu início às obras de construção do hospital cumprindo sua promessa feita à população na campanha de 2012.

“O Hospital Municipal de Cuiabá foi feito a várias mãos e mesmo que Mauro Mendes não tivesse sido eleito eu iria convida-lo  porque ele iniciou, mesmo que o Pedro Taques ganhasse ou não ganhasse a eleição, ele foi um apoio importante através do convênio [realizado entre Prefeitura e Estado]”, comentou durante inauguração da Estação de Tratamento de Água e Esgoto (ETA) da região sul de Cuiabá na semana passada.

O prefeito contou ainda que não conversou com Mauro Mendes neste período de transição de governo, apenas o felicitou pela vitória após a eleição do dia 07 de outubro. Mas nem por isso acredita que Cuiabá será prejudicada ou sofrerá algum tipo de retaliação.

“Pior do que com Pedro Taques não poderia ser. Eu fui eleito como oposição a ele, uma campanha pesadíssima, que tinha tudo pra gente nem olhar pra cara um do outro. Nós fomos altivos, deixamos o processo eleitoral pra trás, a eleição passou e vamos pensar em Cuiabá”, destacou.

No pleito de 2016, o grupo do governador Pedro Taques estava no arco de apoio a Mauro Mendes, que desistiu dias antes das convenções. Então, Wilson Santos (PSDB) foi escalado para ser o candidato do grupo e foi derrotado por Emanuel Pinheiro no segundo turno do pleito.

Desde o final de 2017, Emanuel e Pedro começaram uma aproximação e trabalho em conjunto pela Capital mato-grossense. Com Mauro, Pinheiro espera a mesma relação, já que foi prefeito e conhece os problemas e o caixa e os limites da cidade.

O grupo de Mendes trabalha para ter o deputado Fábio Garcia (DEM) como candidato a prefeito de Cuiabá em 2020. Fabinho, como é conhecido no meio político, deve enfrentar o prefeito Emanuel Pinheiro que já sinaliza tentar uma reeleição. 


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 19 de dezembro de 2018 às 11:35:52

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *