http://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/03/IMG-20190314-WA0005.jpg

Governo Nota MT / Julho
Cuiabá, domingo, 21 de julho de 2019

BODAS DE PRATA

AORE-MT realiza homenagem aos 25 anos de criação do MT-Hemocentro

Reprodução

A Associação dos Oficiais da Reserva do Exército de Mato Grosso (AORE-MT) irá realizar na próxima sexta-feira (15), a partir das 8h, uma homenagem aos 25 anos de criação do MT-Hemocentro.

De acordo com o vice-presidente da instituição, Paulo Ribeiro, o evento acontecerá no próprio MT-Hemocentro situado na rua 13 de Junho, n° 1.055, no centro Sul da Capital.

Na avaliação de Paulo, é importante a associação destacar o trabalho que vem sendo realizado no banco de sangue público do Estado, já que tanto os cuiabanos quanto os mato-grossenses são beneficiados com a coleta de sangue e os hemoderivados quando necessitam, além do bom atendimento prestado pelos profissionais.

“É importante destacar que o MT-Hemocentro é o único banco de sangue público de Mato Grosso que atende em Cuiabá e Várzea Grande, prontos-socorros, hospital Julio Muller; Metropolitano, São Benedito , Unidades de Prontos-Atendimentos e ainda dá suporte para unidades do interior dos 141 municípios”, pontuou Paulo.

Paulo é doador de plaquetas e hemácias duplas desde 25 de julho de 2000. Ao longo dos anos como doador, o vice-presidente destacou como o órgão tem a função de ajudar e coletar o sangue e transferir a doação sem saber a quem apenas e com a ‘exclusiva função’ de salvar vidas.

“As bolsas de sangue vão para as pessoas que sofrem acidentes, que estão perfuração de balas e ainda por quem apresenta problemas graves de saúde e até mesmo recém-nascidos. Então, é importante destacar e comemorar esta bodas de prata do MT-Hemocentro que faz a coleta e encaminha para o necessitado sem se preocupar se a pessoa é rica, pobre, negra, branca ou se tem plano de saúde”, afirmou.

“Pra mim Paulo ser doador de sangue é estar contribuindo com a sociedade. Sem pedir nada em troca. Nós apenas temos a intenção de ajudar ao próximo e é isso que nossos profissionais parceiros da associação faremos ajudar o próximo e lembrar-se da importância, porque já tivemos exemplos na família de pessoas que precisaram de bolsas de sangue e sua vida foi salva porque alguém foi lá e simplesmente fez uma boa ação”, finalizou.

Doação
O MT – Hemocentro disponibiliza todas as condições técnicas e segurança às pessoas que desejam ser doadoras voluntárias de sangue e às pessoas que têm a intenção de fazer o seu cadastro para serem doadoras de Medula Óssea.

A doação de sangue remunerada ou profissional é proibida no Brasil. A Resolução-RDC da ANVISA – Agência Nacional de Vigilância Sanitária nº. 153, de 14 de junho de 2.004, que determina o Regulamento Técnico para os procedimentos hemoterápicos, incluindo a coleta, o processamento, a testagem, o armazenamento, o transporte, o controle de qualidade e o uso humano de sangue e seus componentes, obtidos do sangue venoso, do cordão umbilical, da placenta e da medula óssea, preconiza que “a doação de sangue deve ser voluntária, anônima, altruísta e não remunerada, direta ou indiretamente” (RDC nº. 153, artigo 1º., Anexo I, Item B.1).

Alimentação recomendável

• Tomar café da manhã normalmente, fazendo uso de sucos, café, chá, pão, leite (preferencialmente leite desnatado ou de soja) e frutas (menos abacate e jaca);
• Evitar alimentos gordurosos, como: frituras, salgadinhos, manteiga, ovos e outros.

No dia da Doação à tarde:
• Doar sangue 2h após o almoço (observar o período da digestão);
• Almoçar normalmente, de preferência, com carnes grelhadas, saladas, arroz, feijão;
• Evitar a ingestão de alimentos gordurosos (frituras, ovos, massas, maionese, sorvetes, chocolates, etc.).

Lembre-se:
Em Jejum não se doa sangue.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *