http://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/03/santa-casa.jpg

Campanha Cuiabá 300 anos Unimed
Cuiabá, quinta, 18 de abril de 2019

SOCIEDADE MANTENEDORA

Santa Casa tem novo conselho após diretoria ser afastada

DA REDAÇÃO, LEONARDO MAURO

Reprodução

Atual diretoria do hospital filantrópico Santa Casa de Misericórdia de Cuiabá, é afastada pela sociedade mantenedora que conta com 42 membros. A decisão foi tomada durante reunião na manhã desta sexta-feira (12), entre a sociedade mantenedora e os cinco membros da diretoria, que foi deposta.

A unidade passa a ser gerida por um novo conselho, sob o comando do médico Luís Saboia, que assume no lugar de Carlos Coutinho, que estava presidindo a unidade. A informação foi confirmada pelo capitão do Exército Daniel Pereira, que continua à frente da administração do hospital.

Segundo Daniel Pereira, o Ministério Público do Estado (MPE) não permitiu que a Prefeitura de Cuiabá e a Assembleia Legislativa repassassem R$ 7 milhões à Santa Casa. Pereira explicou que a medida ocorre devido ao desgaste da atual diretoria, que já não estava conseguido negociar valores de repasses com o Poder Público para sanar as dívidas do hospital no montante de R$ 118 milhões.

O prefeito chegou a ser ameaçado de improbidade administrativa pelo MP, caso fizesse algum tipo de movimento nesse sentido. “Era uma diretoria que já estava muito desgastada, sem poder de barganhar junto aos órgãos que já disseram que não repassam mais um centavo enquanto essa diretoria estiver à frente do hospital”, ressaltou o capitão.

Reforçou que a situação é crítica e que o atual conselho gestor precisa de recursos o quanto antes para pagar os fornecedores, médicos e os sete meses de salários atrasados dos funcionários da unidade.

Acrescenta que o principal objetivo é fazer com que a Santa Casa volte a atender a população, já que o hospital está com as portas fechadas há 30 dias.


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 15 de abril de 2019 às 09:08:04
  • 12 de abril de 2019 às 17:09:20

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *