https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2015/09/DROGA.jpg

MIRASSOL D'OESTE

Polícia Civil de Mato Grosso prende quadrilha com 9 quilos de pasta base

Polícia Civil prende quadrilha com 9 quilos de pasta base em Mirassol D'Oeste. Foto: Assessoria

Nove quilos de pasta base de cocaína foram apreendidos e quatro pessoas acusadas de envolvimento com tráfico de drogas foram presas pela Polícia Judiciária Civil, na terça-feira (01.09), em operação desencadeada pela Delegacia de Mirassol D’Oeste (300 km a Oeste) com apoio da Gerência de Investigação Geral da Delegacia Regional de Cáceres (GIG) e da Delegacia de Porto Esperidião.  
A ação durou cerca de 48 horas, resultando na prisão dos suspeitos, C. P. de A., J. G. M., L. C. P. da S. e C. P. de A., além da localização da droga, em uma propriedade rural no município de Curvelândia (311 km a Oeste).
As investigações nasceram de uma denúncia de que a droga estava escondida em uma propriedade rural no Assentamento Margarida Alves, em Mirassol D’Oeste.
Com base nas informações, o delegado Wilson Souza Santos representou pelo mandado de busca e apreensão, deferido pela Justiça.
As buscas no assentamento iniciaram na segunda-feira (31).
Um dos integrantes da quadrilha foi localizado no assentamento e confessou ter realizado o transporte da droga e indicou o nome de outros integrantes da quadrilha. 

Os outros três suspeitos foram presos em Mirassol D’Oeste.

De acordo com as informações, a droga estava em uma propriedade rural no Assentamento São Saturnino, no município de Curvelândia.
Na terça-feira (01.09), policiais iniciaram a buscas no local e encontraram a droga acondicionada em um galão, enterrado em uma região de mata aos fundos da propriedade.
Os acusados foram encaminhados a Delegacia de Mirassol D’Oeste e após serem interrogados pelo delegado Wilson Souza Santos, foram autuados em flagrante pelo crime de associação para o tráfico, além de responder em inquérito policial pelo crime de tráfico de drogas.
Segundo o delegado, outras duas pessoas já foram identificadas como integrantes da quadrilha e estão sendo procuradas pela Polícia.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *