https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2015/09/assessoria-vlt-e1534283132799.jpg

PEPINO BILIONÁRIO

Deputados estaduais vistoriam VLT e pressionam retomada das obras

Divulgação

A Comissão de Infraestrutura Urbana e Transporte (CIUT) da Assembleia Legislativa realiza na próxima segunda-feira (28), às 14h30, vistoria nos trilhos e vagões do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), no Centro de Comando Operacional, localizado ao lado do Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande.

A inspeção ocorrerá devido a solicitação do deputado estadual Emanuel Pinheiro (PR). Os parlamentares serão recepcionados pela diretoria do Consórcio VLT Cuiabá que conduzem as obras de implantação do modal de transporte.

“O nosso objetivo é verificar in loco as condições que se encontram o VLT. Temos que nos inteirar sobre os prejuízos e a dimensão do impacto na vida das pessoas. Temos a obrigação de zelar pelo patrimônio público e, o mais importante, possibilitar a retomadas das obras”, destacou.

As obras estão paradas desde o início do ano, trazendo vários prejuízos para os empresários. A situação tem prejudicado drasticamente a economia de Várzea Grandeo e, consequentemente, a economia do estado de Mato Grosso.

Pinheiro solicitou recentemente audiência pública com intuito de debater e discutir com os comerciantes da Avenida da FEB, na Cidade Industrial, os impactos da obra de mobilidade urbana na Região Metropolitana de Cuiabá. A solenidade será realizada no dia 22 de outubro, às 14h, na Assembleia Legislativa, no auditório Milton Figueiredo.

O modal tinha custo inicialmente estimado em R$ 1,477 bilhão e que poderá chegar a R$ 2 bilhões se a obra ficar pronta em 2018. O consórcio que conduz o projeto recebeu mais de R$ 1 bilhão na gestão passada e exigiu do atual governo cerca de R$ 1 bilhão em aditivos para a conclusão do modal. A obra está paralisada desde o início deste ano e sem previsão de retomada.

A Comissão de Infraestrutura Urbana e Transporte é composta pelos deputados Eduardo Botelho (PSB), Nininho (PR), Sebastião Rezende (PR), Pedro Satélite (PSD) e Zeca Viana (PDT).

Foto: Assessoria

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *