SODOMA E ARQUEIRO

Defesa de Silval e Roseli aponta falha processual e querem anular operações

Apontando a existência de falhas processuais, a defesa do ex-governador Silval Barbosa (PMDB) e da ex-primeira-dama, Roseli Barbosa, ingressou com pedido de anulação da Operação Sodoma da Polícia Civil e da Operação Arqueiro conduzida pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado).

Ao mesmo tempo, requerem que a juíza da 7ª Vara Criminal de Cuiabá, Selma Rosane Arruda, se declare impedida de conduzir os processos criminais que são desdobramentos de ambas as operações. O pedido foi formulado pelo trio de advogados Ulisses Rabaneda, Valber Mello e Francisco Faiad. As informações são do Diário de Cuiabá

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *