https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2015/09/guilherme-maluf-foto-mauricio-barbant-almt.jpg

VALE DO CUIABÁ

Maluf defende emendas na LOA para contemplar a baixada cuiabana em 2016

Maurício Barbant

O presidente da Assembleia Legislativa, Guilherme Maluf (PSDB), defendeu, nesta terça-feira (27), que os deputados da baixada cuiabana apresentem emendas conjuntas à Lei Orçamentária Anual (LOA) para contemplar a região.

Durante a reunião da Frente Parlamentar para o Desenvolvimento Econômico e Social Sustentável dos Municípios do Vale do Rio Cuiabá, que contou com a presença dos prefeitos das cidades que compõem a baixada, Maluf afirmou que após a definição dos eixos de prioridades, os parlamentares já podem estudar a apresentação de emendas na LOA, que está em tramitação na Casa de Leis.

“Temos a LOA em tramitação e só fizemos a primeira audiência pública. Os parlamentares podem fazer um trabalho conjunto para que a gente consiga aprovar emendas para beneficiar a região, focando em uma ou duas ações mais importantes”, afirmou Maluf.

Os eixos tidos como prioritários são: Infraestrutura, Saúde, Segurança Pública, Agricultura Familiar e Turismo.

Além de Maluf, participam da Frente Parlamentar os deputados Eduardo Botelho (PSB), que preside a comissão; Emanuel Pinheiro (PR), Wilson Santos (PSDB) e Pery Taborelli (PV).

Na oportunidade, os deputados e prefeitos assinaram um pacto em prol do desenvolvimento econômico da região.

Maluf também disse que a Assembleia Legislativa vai promover seminários neste semestre com o objetivo de detectar a viabilidade econômica dos municípios que compõem a Região Metropolitana do Vale do Rio Cuiabá.

A intenção é promover estudos para indicar os investimentos que podem ser realizados para fomentar a economia dessas cidades.

“A Assembleia Legislativa está construindo um Fórum e depois um Seminário onde vamos discutir a vocação dos municípios da Baixada Cuiabana, depois vamos produzir um livro sobre esses dados que vão subsidiar políticas públicas para atender os municípios e de alguma forma, mudar a realidade dessas cidades”, afirmou Maluf.

O presidente do Poder Legislativo afirmou que é preciso que deputados da Frente Parlamentar somem esforços para depois efetivamente trabalhar junto com os prefeitos para mudar a realidade dos municípios da Baixada Cuiabana, que, em algumas cidades, contam com os piores Índices de Desenvolvimento Humano (IDH) do estado.

Botelho lembrou que a Frente Parlamentar foi criada para unir todos os políticos, e criar um trabalho conjunto para levar políticas públicas que favoreçam essa região. “Fizemos várias reuniões e definimos eixos principais. Vamos criar leis que favoreçam essas áreas e que tenha trabalho em conjunto. Independente de sigla partidária, o interesse é na comunidade, assinamos um pacto para criar caminhos e todos vão ter que seguir”.

Vice-prefeito de Várzea Grande, Arilson Arruda explanou que as prioridades para o município são a saúde e infraestrutura, e lembrou que a agricultura familiar está indo bem na cidade.

Prefeito de Nossa Senhora do Livramento, Carlos Roberto da Costa, o Nezinho, disse que o estudo de atividade econômica idealizado por Maluf vai ser importante para a região. “Você não resolve a demanda se não tiver recurso e recurso resolve fortalecendo a atividade econômica do município, e em Livramento não tem. Na cidade, tem garimpo, pecuária, piscicultura, mas não tem atividade econômica forte”, opinou.

Foto: Assessoria

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *