https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2015/10/TONINHO-DE-SOUZA.jpg

INSTALAÇÕES DE PONTOS ELETRÔNICOS

Vereador ameaça secretário de Saúde de Mauro Mendes com CPI na Câmara

Reprodução

O vereador Toninho de Souza (PSD) apresentou na Sessão Ordinária desta terça-feira (27) uma indicação propondo a instalação de ponto eletrônico em todas as Unidades de Saúde de Cuiabá.

O objetivo é fazer com que os profissionais do setor cumpram a escala de trabalho e estejam nas unidades de saúde disponíveis para atender a população.

Para o parlamentar, a prestação de um atendimento de excelência por parte dos médicos, enfermeiros e demais profissionais é fundamental para a evolução da saúde em Cuiabá.

“Sabemos que o número de falta dos profissionais que trabalham nestas unidades é muito alto e quem tem sofrido é a população. São postos cada vez mais lotados, com pacientes esperando horas para serem atendidos, é preciso que os profissionais cumpram as escalas, declarou Toninho de Souza.

Na última sexta-feira (23), a Comissão Especial de Fiscalização das Unidades de Saúde, denominada “Blitz da Saúde”, concluiu as vistorias nos Centros de Saúde, Postos e Policlínicas localizadas nas quatro regiões da capital, a última vistoria foi realizada na região Oeste. Em todas as visitas realizadas pela Comissão foi constatada a falta de médicos nas Unidades de Saúde, além da falta de estrutura que é outro problema enfrentado pelos pacientes.

A Policlínica do Verdão foi à única Unidade de Saúde onde a Comissão encontrou o ponto eletrônico instalado.

“Além de encontrarmos o aparelho de ponto eletrônico, foi à unidade mais bem estruturada e organizada que visitamos, mas infelizmente faltam médicos. A unidade chega a atender de 300 a 400 pacientes por dia, é uma demanda muito grande para poucos profissionais, os pacientes chegam a esperar mais de cinco horas por atendimento”, explicou.

Toninho de Souza questionou sobre o número de médicos especificado na folha de pagamento do município. ‘São 740 médicos que constam na folha de pagamento, mas não encontramos estes profissionais trabalhando nos postos, nas policlínicas e no pronto-socorro, frisou o parlamentar Cuiabano.

Comissão Parlamentar de Inquérito:

Toninho de Souza explicou que se o pedido de instalação dos pontos eletrônicos não for cumprido pela Secretaria de Saúde, o parlamentar vai propor a abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI).

“Se não for atendido o pedido, passa a ser desmando administrativo, por que nós estamos tentando fazer com que a Prefeitura faça com que estes médicos cumpram a escala de trabalho, pois recebendo eles estão e nós estamos buscando primeiro preservar o patrimônio público, esses médicos estão recebendo, mas não estão prestando serviço”, explicou.

O parlamentar lembrou ainda que é importante zelar pelo dinheiro público.

“Nós estamos zelando pelo dinheiro público, como fiscais estamos fazendo a nossa parte, se o Município não cumprir o que nós estamos exigindo, ele não estará zelando pelo dinheiro público. Por isso abriremos a CPI que vai responsabilizar a Prefeitura também, ela precisa fazer com que os médicos que estão recebendo pelo trabalho cumpram a escala e estejam disponíveis para atender a população”, finalizou.

A Blitz da saúde visa melhorar o atendimento à população que depende exclusivamente do Sistema Único de Saúde (SUS) na maior cidade de Mato Grosso.

A Comissão é formada pelos vereadores Toninho de Souza (PSD), Arilson da Silva (PT), Ricardo Saad (PSDB), Oséas Machado (PSC).

O vereador Paulinho Brother (PDT) também esteve participando das últimas visitas da Blitz da Saúde.

Foto: Assessoria

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *