https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2015/10/rodovia.jpg

DUPLICAÇÃO DE RODOVIAS

Mato Grosso recebe quase R$ 15 milhões do Ministério dos Transportes

O Governo de Mato Grosso recebeu R$ 14.805.503,40 em recursos federais que serão investidos em sete obras de duplicação, reconstrução e sinalização de rodovias da Baixada Cuiabana.

A liberação é resultado da articulação política do governador Pedro Taques (PSDB), e técnica do secretário Marcelo Duarte (Infraestrutura e Logística), junto ao Ministério dos Transportes.

O montante vai integrar o pacote de obras de mais de R$ 1 bilhão do programa Pró-Estradas/Vale do Rio Cuiabá, que será lançado ainda este ano.

A autorização consta no Diário Oficial da União (DOU) que circula nesta quinta-feira (29/.0).

Relativo à Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (CIDE) de 2015, o recurso estava bloqueado devido a problemas na prestação de contas da gestão anterior.

Para obter o aval do ministro Antônio Carlos Rodrigues, a Sinfra apresentou nova prestação de contas e também um plano de trabalho detalhando onde serão investidos os recursos.

Atual vice-presidente regional do Centro-Oeste do Conselho Nacional de Secretários de Transportes (Consetrans), Marcelo Duarte destaca que, a partir da reforma administrativa, foi criada dentro da Sinfra uma unidade específica para tratar de convênios federais e programas de financiamentos.

“A articulação do governo, o trabalho técnico da equipe que corrigiu os erros apontados pelo Ministério e montou o plano de trabalho foram fundamentais para recebermos este recurso, que já está na nossa conta”.

Obras na Baixada

De acordo com o plano de trabalho da Sinfra, sete rodovias estaduais da Baixada Cuiabana receberão os recursos da CIDE.

Mais de R$ 4,015 milhões serão investidos na duplicação da Rodovia Emanuel Pinheiro (MT-251), entre o trevo da MT-010 (próximo ao Atacadão) e o trevo de acesso ao bairro Jardim Vitória (Fundação Bradesco).

A duplicação, que custará R$ 24 milhões, terá início ainda este ano.

A CIDE também destinou recursos para mais duas obras de reconstrução e sinalização da MT-251.

Outros R$ 3,5 milhões serão aplicados na obra de duplicação da rodovia Palmiro Paes de Barros (MT-040), entre Cuiabá e Santo Antonio de Leverger, obra que estava paralisada desde 2009 e foi retomada em 2015.

Ainda conforme o plano de trabalho, pelo menos R$ 1.773 milhões vão para reconstrução da Rodovia Helder Cândia (MT-251), entre o Distrito de Nossa Senhora da Guia e o município de Rosário Oeste.

E mais R$ 485 mil serão utilizados na reconstrução da MT-246 de Acorizal ao trevo com a BR-163 (município de Jangada).

sinfra

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *