https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2015/09/DEPUTADO-EMANUEL-PINHEIRO.jpg

"MÁFIA ESTÁ PRÓXIMA DE TAQUES"

Pinheiro acusa existência da ‘máfia’ do transporte coletivo para impedir retomada do VLT; ASSISTA

Reprodução

O deputado estadual Emanuel Pinheiro (PR) acusou a existência de uma ‘máfia’ impedindo a continuidade das obras do VLT em Cuiabá e Várzea Grande.

A informação foi dada na terça-feira (17), no programa SBT Comunidade, apresentado por Agnelo Corbelino.

Segundo Pinheiro, com o VLT funcionando, o sistema de transporte coletivo entre as duas cidades perderia em até 70% de ônibus nas ruas.

Por isso, o deputado cita que a ‘máfia’ estaria agindo nos bastidores para impedir que o Veículo Leve Sobre Trilhos seja concluído.

Pinheiro chega a afirmar que a suposta máfia estaria próxima do governador Pedro Taques (PSDB). “Gosto do governador Pedro Taques. Ele é um homem de bem. Mas ele está cercado, neste particular, por um grupo de pessoas que eu duvido de suas intenções. Estão querendo induzi-lo ao erro, demonizando o VLT, e eu não posso permitir isso”, comentou.

De acordo com o parlamentar, a máfia já estaria ramificada entre os poderes.

Pinheiro lidera a Frente Parlamentar Pró-VLT, que tenta convencer o governo do Estado à retomada das obras do trem cuiabano.

Nesta quinta-feira (19), o parlamentar viajou ao Rio de Janeiro para se encontrar com o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes.

Paes virá a Cuiabá para lançar a Frente Parlamentar, onde segundo o deputado, foi convidado para ser o padrinho dessa luta.

VEJA A ENTREVISTA DE EMANUEL PINHEIRO:

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *