https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2015/09/polícia-civil.jpg

OPERAÇÃO CHACAL

Lista de crimes praticados por organização criminosa inclui roubo de avião no interior

Corregedoria da Polícia Civil prende investigador acusado de extorsão . Foto: Divulgação

O Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) já cumpriu 15 dos 19 mandados de prisão expedidos pela Justiça na Operação Chacal, realizada nesta segunda-feira (14). Ainda existem quatro acusados foragidos da Justiça que estão sendo procurados pelo Gaeco.

Na lista dos crimes praticados pela organização criminosa estão o roubo de uma aeronave no município de Cotriguaçu, receptação de máquinas agrícolas e carretas apreendidas pela Polícia Civil avaliadas em mais de um milhão de reais, homicídios e comércio ilícito de drogas.

O roubo da aeronave, conforme o Gaeco, ocorreu em março deste ano. Na ocasião, o piloto e copiloto foram contratados para transportar um suposto doente da cidade de Cotriguaçu para a cidade de Alta Floresta.

Ao aterrissarem na pista de pouso local, foram rendidos por homens armados que já aguardavam na pista.

As vítimas foram amarradas e colocadas em um veículo, oportunidade em que foram levadas para uma região de mata, onde permaneceram por aproximadamente duas horas, até que conseguiram se soltar e buscar ajuda.

Segundo o Gaeco, interceptações telefônicas autorizadas pela Justiça e as diligências investigativas comprovaram que as pessoas presas nesta segunda-feira (14) foram as responsáveis pelo roubo e provavelmente utilizaram a aeronave para incrementar o comércio ilícito de drogas.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *