https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2015/12/bomboa.jpg

FORA DE CIRCULAÇÃO

Polícia apreende explosivos que seriam usados em ataques em bancos

A Polícia Judiciária Civil interceptou um artefato explosivo na noite de segunda-feira (28.12), em Cuiabá, que seria usado para atacar instituições bancárias.

A apreensão ocorreu em investigações da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO).

Um criminoso também foi preso na ação que contou com apoio dos policiais civis da Gerência de Operações Especiais (GOE).

O acusado, H. H. de M., 26, foi autuado em flagrante pelo crime de posse, detenção, fabricação, ou emprego ilegal de artefato explosivo.

Ele possui passagem pela polícia por tráfico de drogas.

Nas diligências, os policiais localizaram uma residência no bairro Jardim Mossoró, na Capital, onde havia certa quantidade de explosivos acondicionados para ações criminosas contra caixas eletrônicos e agências bancárias, em Cuiabá e no interior do Estado de Mato Grosso.

Com base nas informações levantadas em conjunto com o Núcleo de Inteligência (NI) do GCCO, as equipes de policiais civis iniciaram vigilância na casa do investigado Herick, conseguindo êxito em apreender três bananas de emulsão explosiva, além de um vidro contento o produto, pesando tudo aproximadamente 3 quilos.

Conforme o delegado de polícia que coordenou a ação, Guilherme de Carvalho Bertoli, as investigações continuam para identificar e prender outros integrantes da quadrilha, como também para chegar à procedência dos explosivos.

“Nas três embalagens foi encontrado código de barras, podendo indicar ser produto de furto. Se confirmado o preso será indiciado também pelo crime de receptação”, afirmou Guilherme Bertoli.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *