SILVAL NÃO PODE PAGAR SOZINHO

Em seu plano de governo, Mauro Mendes também projetou compromissos para Copa do Mundo

O ex-governador Silval Barbosa       (PMDB) não pode carregar sozinho o ônus da Copa do Mundo nas costas.

O prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes (PSB), bem que poderia dividir um pouco desse fardo.

Em seu plano de governo para administrar a Capital, Mendes elencou uma série de tarefas para serem realizadas antes e pós-evento.

Elas estavam previstas para serem colocadas em prática a partir de 2013, primeiro ano da sua administração.

As informações abaixo foram tiradas do seu plano de governo que foi encaminhado ao Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso.

2016-01-02 14.11.10

 

2016-01-02 14.10.13

Como se vê,  a mobilidade urbana é  a mesma com ônibus sucateados, sem ar condicionado.

O VLT não ficou pronto e o Consórcio responsável pela obra rasgou a principal avenida da cidade. E o que o prefeito fez sobre isso?

O comércio por onde passou esse ‘rasgo’ fechou várias portas. Prejuízos incalculáveis.

O turismo na capital é uma lástima.

Ainda bem que a cidade não passou por nenhum contratempo no período do mundial.

Os turistas teriam que esperar até 2018 para serem atendidos no novo pronto-socorro, se tudo der certo e andar conforme o combinado!

E tudo ainda graças ao Taques, que encampou a promessa do prefeito.

Ainda bem que os turistas não precisaram de creches para deixar as crianças nos dias de jogos.

Até hoje, às famílias cuiabanas são obrigadas a dormir nas filas pra conseguir uma vaga para o filho.

Até hoje, essas famílias aguardam a construção das 40 creches prometidas.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *