https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2015/09/lucimar.jpg

LEI MUNICIPAL

Prefeita sanciona lei que altera nomes de escolas e creche em Várzea Grande

Divulgação

A prefeita de Várzea Grande, Lucimar  Campos (DEM), sancionou nesta manhã (5), a lei 4.123/2015 que altera  a denominação de alguns prédios públicos no Município, como escolas e creches, com a finalidade de cumprir a lei federal que dispõe sobre a denominação de logradouros, obras serviços e monumentos públicos.

Conforme a lei sancionada, foram modificados os nomes das escolas ‘Oscar da Costa Ribeiro’, no bairro São Mateus, para ‘Abdala José de Almeida’, ‘Jayme Veríssimo de Campos’, no bairro Nova Várzea Grande, para ‘Jayme Veríssimo de Campos Júnior’ e a creche ‘Maria Lúcia Correa de Almeida Barros’, no bairro Capela do Piçarrão, para ‘Professora Jayr Luiza de Campos Untar – Dona Pequenina’.

Como destacou a prefeita Lucimar Sacre de Campos, as modificações têm como objetivo promover a aplicação das leis e da Justiça e foi necessário, após a aprovação da Câmara Municipal de Várzea Grande. “A troca dos nomes de patronos foi feita de forma democrática. A própria pessoa que dava nome ao patrimônio público indicou os novos homenageados,  então abriu-se espaço para resgatarmos a figura de outros ilustres cidadãos de ímpar representação social e que prestaram relevantes serviços ao Município”.

Samira Untar, uma das filhas da professora Dona Pequenina que dá nome à creche da Capela do Piçarrão, como era conhecida, lembrou durante a homenagem de hoje que a mãe teve uma vida inteira dedicada à educação, primeiro dentro de sala de aula e depois na secretaria escolar. “Foi educadora de pessoas que agora são figuras ilustres da política e do judiciário estadual”, destaca. Conforme Samira, que também atua na área da educação, o reconhecimento do Município e da própria comunidade escolar, “engrandece o trabalho prestado por dona Jayr e deixa a família Untar muito feliz”.

A família do homenageado ‘Abdala José de Almeida’, veio em peso receber o reconhecimento. A filha Leide Lúcia, lembrou que o pai, ainda vivo, contribuiu muito para o desenvolvimento da cidade.

Como pecuarista, seu Abdala criou na fazenda a Sociedade Beneficente Escolar, que para muitos, há quase três décadas, foi a única oportunidade de acesso a uma sala de aula.

“A indicação do nome do meu pai foi feita pelo próprio Oscar Ribeiro, que é amigo íntimo da família e que conhece muito bem a história de dedicação por Várzea Grande que meu pai teve”.

Representando a Câmara de Vereadores, a vereadora Sumaia Almeida, lembrou que a homenagem é uma forma de reconhecer a participação de varzeagrandenses que contribuíram para o desenvolvimento da cidade.

A prefeita, em nome da família Campos, e mãe do homenageado Jayme Veríssimo de Campos Júnior, disse que seu filho deixa um legado e lembrança de um jovem idealista, amante da política, da vida e as características que marcaram foram a alegria, o otimismo e a paixão pelo esporte.

O professor José Vieira Ângelo Rocha, que está na escola desde a fundação, em julho de 1995, destaca que a comunidade escolar reconhece a figura do jovem Jaiminho, e que a escola é um ponto e lazer para a região.

“A mudança de denominação é muito bem-vinda, visto que Jaiminho era um desportista e incentivava a prática do esporte nas comunidades, principalmente o futebol”.

A secretária de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, Zilda Pereira Leite de Campos, destacou que o grande objetivo da solenidade desta manhã foi o de integrar a comunidade escolar com a família dos homenageados.

“Reunimos aqui familiares, direção escolar e membros do Conselho Escolar. Essa entrega simbólica do quadro com a foto do homenageado sela um compromisso. A educação básica de Várzea Grande segue com serviços de qualidade e assim, proporcionando aos alunos uma vida promissora”.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *