https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2015/10/Policia_civil-e1490622227905.jpg

FORA DE CIRCULAÇÃO

DHPP prende mais dois envolvidos na morte de grávida em Várzea Grande

Divulgação

A Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), da Polícia Judiciária Civil, prendeu outros dois  envolvidos na morte de uma jovem de 22 anos grávida de cerca de sete meses, em Várzea Grande, assassinada com golpes de faca  no dia 14 de janeiro.

O motivo do crime ainda não está esclarecido e as prisões são temporárias (30 dias).

Um deles é o companheiro da vítima, C. J. da S., 19, investigado como possível mandante do crime, e P. R. da S., 32 anos, tia do suspeito, J. G. da C., 19 anos, preso em flagrante na última sexta-feira (15).

Os dois suspeitos, C. J. da S. e P. R. da S., tiveram mandados de prisão cumpridos pela DHPP, na segunda-feira (18) e nesta terça-feira (19), em Várzea Grande.

Além dos três, uma adolescente de 15 anos, iniciais J.O, está apreendida.

Nas investigações, conduzidas pelo delegado, Geraldo Gezoni Filho, ainda figura como suspeitos outros dois adolescentes, uma menina e um menino, e outra mulher maior de idade.

O delegado explicou que o companheiro da vítima, não estava na cena do crime, mas suspeitas recaem sobre ele, por ter pedido a adolescente para exclui-lo de participação no crime e também por ter forjado uma viagem.

“As prisões são temporárias, em decorrência das declarações da menor. São prisões de investigação, para que possamos individualizar a conduta de cada um no crime”, disse Gezoni.

A vítima Gimarle de Campos, 22, teve o corpo encontrado na sexta-feira (15.01) passada, seminua, deitada na cama com perfurações de faca, em sua casa no bairro Capela do Picarão, em Várzea Grande.

Um dos suspeitos, J. G. da C., 19 anos, primo do companheiro da vítima, foi autuado em flagrante no mesmo dia da localização do corpo.

Ele acabou revelando ao delegado Geraldo Gezoni Filho à participação de uma adolescente de 15 anos e outro rapaz, menor de idade.

A menor foi localizada pelos próprios familiares da vítima, em um sítio no município de Nossa Senhora do Livramento (42 km ao Sul), no domingo (17), e conduzida pela Polícia Militar até a Delegacia do Adolescente em Várzea Grande, onde tem procedimentos de ato infracional.

Na segunda-feira (18), a adolescente foi ouvida na Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHHP), e depois de resistir em contar a verdade acabou confessando e apontou a participação dos demais suspeitos.

O delegado Geraldo Gezoni ressaltou que o interrogatório de J. G. e as declarações da menor apresentam versões diferentes do crime.

O primeiro fala que teria atraído a vítima até o campo de futebol, no bairro Vila Operaria, e lá ela foi morta.

Já a adolescente conta que todos invadiram a casa da vítima, bateram nela, a tiraram da casa e levaram para o campo de futebol, a pedido de outra adolescente, que esta sim estaria com ciúmes do companheiro.

“Não se sabe ainda como crime se deu. O que esta provadamente é que a vítima foi golpeada, em um matagal, ao lado do campo de futebol. Foi espancada, colocada em cima de uma porta, transportada até sua residência, lavada na caixa d’água. Isso aconteceu. No primeiro momento, com a prisão em flagrante de J. G., ele falou que o crime aconteceu no campo, que ele teria a chamado até o local. A adolescente conta que invadiram a casa”, detalhou o delegado a investigação.

O crime ocorreu na noite de quinta-feira (14), em um matagal, no bairro Vila Operária, local onde sofreu vários golpes de faca.

A vítima depois teve o corpo transportado em uma tampa de armário, usado como maca, até sua casa e lá seu corpo foi lavado e colocado sobre a cama no quarto em que dormia.

A motivação do crime ainda é investigada bem como a participação de todas as pessoas citadas no inquérito policial.

As investigações continuam até o total esclarecimento para indiciamento dos envolvidos e encaminhamento o inquérito á Justiça.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *