https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2016/02/paulo-borges.jpg

LUTO NA POLÍTICA

Ex-presidente da Câmara de Cuiabá, Paulo Borges morre de câncer aos 75 anos

Morreu na madrugada desta segunda-feira (8), o ex-vereador e advogado Paulo de Campos Borges, aos 75 anos.

Ex-presidente da Câmara de Vereadores de Cuiabá, Paulo Borges morreu vítima de câncer no pulmão.

O ex-parlamentar estava internado em um hospital particular da capital e lutava contra a doença desde 2014.

faleceu na madrugada desta segunda-feira (8), vítima de câncer no pulmão, aos 75 anos. Ele estava internado há dias no Hospital Jardim Cuiabá e desde 2014 lutava contra a doença.

Segundo informações do portal Olhar Direto, o velório começa às 10 horas, na Capela da Funerária Dom Bosco, e o enterro está previsto para ocorrer às 17 horas, no Cemitério da Piedade – área central de Cuiabá.

Paulo Borges era advogado e foi vereador por quatro mandatos, tendo sido primeiro secretário e presidente da Câmara de Cuiabá.

Foi conselheiro federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OBA) em Mato Grosso e membro da Diretoria Executiva.

Todavia, se notabilizou por sua capacidade de articulação e influência sobre os colegas.

Assim, em 1991, foi convencido pelo então deputado Luiz Soares e economista Paulo Ronan Ferraz a ingressar no à época incipiente PSDB.

Isso tornou Paulo Borges o primeiro vereador do PSDB de Cuiabá, deixando o PFL – que na época estava no poder com o governador Jaime Campos (DEM).

Campos Borges foi eleito vereador pela primeira vez em 1982, sendo reeleito sucessivamente em 1988, 1992 e 1996. Foi presidente da Câmara de Cuiabá no biênio 1991-92.

Paulo Borges deixa a esposa Vanilza Borges e o três filhos: Paulo Borges Júnior, ex-vereador e atual secretário de Habitação de Cuiabá; Carla e Cláudia Goreti.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *