MEA CULPA

Presidente do PMDB atribui desgaste da gestão Silval Barbosa ao PR de Maggi

O presidente do PMDB de Cuiabá, Clóvis Cardoso, em entrevista ao SBT Comunidade, desta quinta-feira (18), disse que o PMDB não tinha todas as Secretarias de ponta sob o seu comando.

Cardoso alegou que apenas algumas Secretarias periféricas estavam sob a administração de membros do PMDB.

Ele jogou para o PR a responsabilidade de fazer parte do desgaste ocorrido na administração de Silval Barbosa (PMDB).

silval barbosa

Ex-governador de Mato Grosso, Silval Barbosa sofreu desgastes em sua gestão. Foto: Divulgação

Cardoso apenas reforçou que Silval não tinha domínio sob a administração.

Os republicanos, que já vinham da gestão Blairo Maggi (PR), continuaram no primeiro escalão do governo.

Segundo o presidente do PMDB, ao ser questionado se esse desgastes não trariam consequências para o partido neste ano de eleição municipal.

Cardoso explicou que uma coisa é partido político, a outra é política de governo, refutando a ideia de que o povo não deve votar em candidatos do PMDB por conta da gestão de Silval.

Ele acredita que em pelo menos 70 cidades de Mato Grosso o PMDB deve ter candidato a prefeito.

Em Cuiabá, ele citou que já existem três nomes à disposição da Legenda.

Seriam: Toco Palma, Francisco Faiad e José Marcondes Muvuca.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *