É BEM MATO GROSSO!

Vereador de Mato Grosso acusa colega de fazer acordo com capeta para conseguir presidência

O vereador Adão Neponoceno (PSDB) é acusado pelo colega Edmilson Santana (PT) de fazer pacto com o diabo para conseguir a presidência da Câmara Municipal de Acorizal.

O fato aconteceu na sessão extraordinária, da última semana, quando a maioria dos vereadores aprovaram as contas de governo da Prefeitura de 2014, que foram reprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado.

A acusação surgiu durante os discursos de justificativas da sessão que todos já sabiam o resultado, várias particularidades tomaram conta do momento, mesmo com muitos pontos negativos considerados gravíssimos, apontados pelo parecer técnico do TCE, as contas do prefeito Arcílio Jesus da Cruz, o Chindo foram aprovadas por 7 a 1.

Dos nove vereadores, apenas a vereadora Cleonice de Figueiredo (PSDB) votou a favor do TCE, que disse que não foi eleita para defender o prefeito, mas sim o povo.

O presidente da Casa, Adão Neponoceno, seguiu o Regimento Interno, e só votaria em caso de desempate, este foi um dos motivos apontados pelo vereador Edmilson de que Adão seria amigo do “Coisa Ruim”. Com informações do VGNews

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *