https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2016/03/Violência-contra-a-mulher.jpg

AUDIÊNCIA DE CUSTÓDIA

Promotora critica soltura de empresário acusado de espancar esposa em Cuiabá

Divulgação

A promotora de Justiça, Lindinalva Rodrigues, usou sua página pessoal no Facebook para criticar a audiência de custódia que acabou soltando o empresário que foi preso acusado de espancar a própria esposa no último fim de semana em Cuiabá.

“E viva as audiências de custódia para os agressores!!!!! … Estas audiências chegaram , na maioria esmagadora dos casos, para acabar com a aplicação da Lei Maria da Penha e o respeito aos direitos humanos das mulheres em situação de violência doméstica . Eu só tenho a lamentar tamanho retrocesso”, diz Lindinalva em um trecho do post.

lindinalva

O juiz responsável pela soltura do empresário, por meio de uma audiência de custódia, é Marcos Faleiros.

O magistrado determinou que o acusado deve ser monitorado por tornozeleira eletrônica.

Faleiros ainda determinou a proibição de qualquer tipo de contato com a ex-mulher ou com a criança, no pedido feito pelo Ministério Público.

Por ordem judicial, o empresário deverá ainda manter-se distante do local de trabalho da vítima e distância mínima de 500 metros da esposa e da garota.

A agressão aconteceu na garagem do prédio onde o casal mora, no bairro Duque de Caxias, em Cuiabá.

De acordo com o boletim de ocorrência, as agressões iniciaram quando o casal retornou da festa de aniversário do empresário.

Com sinais de embriaguez, ele teria desferido xingamentos contra a esposa e a agrediu com socos, tapas e pontapés.

Sem ter como se defender, a vítima chegou a perder os sentidos após ter o rosto arrastado no chão. Ela sofreu fratura no nariz e perfuração no tímpano.

As agressões foram presenciadas pela filha da médica de 11 anos.

Ferida, a médica conseguiu correr até a portaria do prédio informando sobre o ocorrido e acabou sendo socorrida pelo porteiro do edifício.

A Polícia Militar foi acionada e prendeu o agressor e o encaminhou até a Central de Flagrantes, no bairro Planalto, na Capital

Após o depoimento, o empresário foi autuado pelo crime de lesão corporal.

Foto: Ilustração

Veja Mais

Um comentário em “Promotora critica soltura de empresário acusado de espancar esposa em Cuiabá”

  1. Jully Esther disse:

    Pra mim homem que bate em mulher é covarde cem vezes covarde mas pra o filho de um grande empresário no ramo de combustível praticamente foi algo normal e não Maria da Penha que só vale para os Joaos….Manes e Chico da vida.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *