https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2016/04/fávaro.jpg

VICE-GOVERNADOR

Fávaro assume Sema e quer reforçar desenvolvimento sustentável

O vice-governador Carlos Fávaro (PSD), que assume interinamente a Secretaria de Meio Ambiente (Sema) nesta segunda-feira (04.03), afirmou que inicialmente dará continuidade ao trabalho de eficiência na gestão, iniciado e executado por 15 meses pela secretária Ana Peterlini, além de trabalhar pelo desenvolvimento sustentável.

Ciente do desafio, ele cita que serão valorizadas iniciativas de produção sustentável que mantenham a vocação do estado, e colaborem para as metas ambientais.

“Queremos ainda mostrar para o mundo a produção sustentável de Mato Grosso, e colher frutos internacionais. Existe um recurso para isso, e o mundo está interessado”, complementa.

Para que isso aconteça é preciso monitoramento e controle mas, principalmente, melhorar os procedimentos e o sistema de licenciamento ambiental dentro da Sema.

“Buscando agilidade e eficiência na prestação de serviços públicos para o cliente da sema”, afirmou Fávaro no lançamento do Projeto de Licenciamento Eficiente, na manhã desta sexta-feira (01.04).

Na ocasião ele reforçou também que os procedimentos continuarão rigorosos. “O agronegócio mato-grossense é responsável, e mais do que isso, os monitoramentos serão muito rigorosos. Se engana quem acha que agora poderá ter liberdade para cometer ilegalidade”, comenta.

O projeto “Licenciamento Eficiente” tem como principal objetivo promover uma mudança e modernizar processos e rotinas do órgão ambiental, bem como reduzir em até 30% o tempo de análise e resposta ao cidadão quanto à emissão de licenças ambientais.

É resultado de uma parceria promovida pela Sema e Gabinete de Articulação Estratégica, com a colaboração do setor produtivo do estado, para a contratação da consultoria Falconi Consultores Associados.

Por fim, Fávaro ressaltou que o foco é a motivação dos servidores, característica já despertada pela secretária Ana Pertelini.

O vice-governador explica que encontrou – na transição que está em curso desde o dia 25 de março – excelentes servidores que fazem parte de um quadro técnico capacitado.

“Quero garantir a cada servidor, que o tempo da carteirada, o tempo do desestímulo, o tempo do passar um ou outro na frente, ou passar o cidadão pra trás, passou. E que ninguém ouse trazer esses tempos de volta à Sema” afirmou Fávaro.

Ressaltando que atendeu a um pedido do governador Pedro Taques para assumir o cargo, ele agradece também o empenho da promotora Ana Peterlini, que retorna ao Ministério Público, “tendo deixado as suas sementes semeadas em terra fértil, sementes de uma grande colheita já começou”.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *