CRISE EM VÁRZEA GRANDE

Isolado, vice acusa Jayme de interferência e de Luiz Soares se tornar um ‘Deus’; assista

O vice-prefeito de Várzea Grande, Arilson Arruda (PSD), em entrevista ao programa SBT COMUNIDADE, desta terça-feira (5), acusou o ex-senador Jayme Campos  (DEM) de interferir na administração da esposa, Lucimar Campos  (DEM).

Segundo o vice, Lucimar Campos cede muito as orientações de Jayme após ter discutido com sua equipe os trabalhos  a serem desenvolvidos pela prefeitura.

O vice diz que não se curva ao ex-senador e diz que só trata os assuntos da prefeitura com Lucimar, o que vem deixando Jayme aborrecido com a postura de Arilson.

Arilson também acusou de ser de conhecimento da prefeita a escolha de vários secretários que desconhecem a realidade de Várzea Grande, o que coloca a gestão à deriva.

“Alguns não sabem nem como se chama o bairro onde fica a prefeitura”, comentou.

Em especial, Arilson mirou a sua metralhadora no secretário de Saúde,  Luiz Soares.

De acordo com o vice, depois que Luiz Soares assumiu a pasta a Saúde no município afundou.

“Nós vamos fazer um ano de gestão, dia 8 de maio, e nós não temos mais desculpas para dar de o porquê não inaugurar a UPA do Ipase”, comentou.

Arilson tem o apoio de 11 vereadores na Câmara de Várzea Grande e trabalha com o objetivo de ser candidato a prefeito.

VEJA TRECHO DA ENTREVISTA

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *