EXTINTA FUSVAG

Tribunal de Contas de Estado manda Lucimar Campos investigar pagamentos feitos de forma indevida

Na sessão do Tribunal Pleno realizada esta semana, os conselheiros do TCE-MT determinaram a instauração de Tomada de Contas Especial pela gestão de Várzea Grande, representada pela prefeita Lucimar Campos, para averiguar o montante de juros, multas e correções monetárias pagos em consequência da inadimplência de faturas de energia elétrica pelos ex-superintendentes da extinta Fundação de Saúde de Várzea Grande, a FUSVAG, no período de 2003 a 2004, que resultaram na constituição do precatório requisitório 94573/2008.

A determinação foi feita após o Pleno dar procedência da representação interna proposta pela secretaria de controle externo, de responsabilidade do conselheiro Valter Albano, relatada pelo mesmo, na última sessão ordinária do TCE-MT.

Com isso, a prefeitura terá que instaurar o processo de tomada de Contas Especial, no prazo de sessenta dias, as contas do pagamento do referido precatório para que seja apurada a responsabilidade dos ex-gestores dos anos de 2003 e 2004 da extinta Fusvag, sendo eles Arilson Costa de Arruda, Jazon Baracat de Lima, Antônio Augusto de Carvalho, Reinaldo Della Pasquá, Jorge Araújo Lafetá Neto e Wagner Marcondes da Cunha Lopes.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *