GUERRA EM VÁRZEA GRANDE

Prosseguimento de investigação na Câmara ajuda Arílson derrubar Lucimar Campos

O vice-prefeito de Várzea Grande, Arilson Arruda (PSD), teve na noite desta quarta-feira (20) uma importante vitória contra a prefeita Lucimar Campos (DEM).

A Câmara de Vereadores do município aprovou por 12 votos a favor o parecer do relator da Comissão Processante (CP), vereador Fábio Saad (PTC), que solicitou a continuidade da investigação sob a justificativa de que a defesa apresentada por Lucimar Campos admite indícios de atos ilícitos cometidos, mesmo sem terem sido praticados diretamente pela gestora.

A partir de agora, a Câmara terá 30 dias para investigar a prefeita. Segundo o vereador Fábio Saad, existe a previsão da prefeita ser convocada para prestar esclarecimentos mesmo ela já tendo encaminhado a defesa.

Com este cenário, a situação fica muito crítica para Lucimar, já que os vereadores têm o objetivo de cassar o seu mandato.

Caso isso aconteça, Arílson Arruda assume a cadeira de prefeito de Várzea Grande.

Em assumindo o paço Couto Magalhães, Arruda vai trabalhar para a reeleição em outubro.

RACHA NA PREFEITURA

Desde a demissão do então secretário de Saúde de Várzea Grande, Cassius Klay, a relação entre Lucimar e Arílson está estremecida.

Em entrevista ao SBT Comunidade, no dia 5 de abril, o vice-prefeito revelou o seu descontentamento com a administração da Democrata.

Arílson disse que alguns secretários nomeados por Lucimar não conhecem a realidade do município.

Segundo Arílson, após a entrada de Luiz Soares a Saúde acabou de afundar de vez no município.

Ele disse também que não existem mais desculpas para essas questões envolvendo a Saúde do município.

Alertou ainda que a gestão vai fazer um ano e até o momento a UPA do Ipase não foi inaugurada.

O vice-prefeito também criticou a permanência do ex-senador Jayme Campos (DEM) como colaborador da administração.

Acostumado com o seu jeito impositor, Jayme estaria revoltado com Arílson Arruda por este não se curvar a ele no que tange a condução da prefeitura.

Arílson comentou que só trata dos assuntos com Lucimar e isso estaria deixando o ex-senador com os nervos à flor da pele.

O vice-prefeito relatou que está documentando todas as suas ações para se proteger politicamente e judicialmente.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *