TRAÍDO PELOS COMPANHEIROS

“Me sinto igual a corno”, diz deputado de Mato Grosso sobre eleição na Assembleia Legislativa

Após o anúncio da candidatura de Guilherme Maluf (PSDB) para a reeleição à presidência da mesa diretora da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, o deputado estadual Eduardo Botelho (PSB) disse ter sido traído pela segunda vez pela base aliada do governador Pedro Taques (PSDB), uma vez que Maluf havia se comprometido a abrir mão da disputa para garantir a alternância de poder.

“Eu fui traído duas vezes. Eu sou igual a um marido corno. Me sinto traído pela base. Se meu nome for preterido de novo, será mais uma traição.”, comentou Botelho.

Botelho disse ainda que vem mantendo dialogo com Emanuel Pinheiro (PMDB) e o próprio Maluf para garantir que a sua candidatura no grupo seja consenso. Também afirmou que tem apoio do líder do governo, deputado Wilson Santos (PSDB). Com Diário de Cuiabá

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *