https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2015/09/silval-barbosa1.jpg

QUARTA FASE DA SODOMA

Delegado diz que filho de Silval foi beneficiado com esquema liderado pelo pai

Hipernotícias

A Delegacia Especializada em Crimes Fazendários e Contra a Administração Pública (Defaz), da Polícia Judiciária Civil, deflagrou nesta segunda-feira (25) mais uma ação da terceira fase da Operação Sodoma, em Cuiabá.

Policiais da Defaz cumpriram mandados de prisão, busca e apreensão contra Rodrigo Barbosa, filho do ex-governador Silval Barbosa (PMDB), que está preso desde a primeira fase da Sodoma, em setembro de 2015.

Rodrigo Barbosa teve o mandado de prisão preventiva cumprido em um escritório de comunicação, no Centro Empresarial Paiaguás, na Avenida Rubens de Mendonça (CPA), na capital. O local também foi alvo de busca e apreensão, assim como a casa dele.

O delegado Lindomar Tofoli informou que Rodrigo é investigado por envolvimento em crime de corrupção e ligação com a organização criminosa chefiada por Silval Barbosa. Ele também teria recebido propina durante o governo de Silval.

A operação Sodoma, que deu origem às fases 2 e 3, iniciou com investigações relacionadas à concessão fraudulenta de incentivos fiscais do Programa de Desenvolvimento Industrial e Comercial de Mato Grosso, Prodeic.

FASES DA SODOMA

Na primeira fase, o ex-governador Silval Barbosa (PMDB) e os ex-secretários Pedro Nadaf e Marcel de Cursi, da Casa Civil e Fazenda, respectivamente também foram presos acusados de fazerem extorsão contra empresários e desviarem quase R$ 2 milhões.

Em março deste ano, a segunda fase da Sodoma levou à prisão o ex-secretário Cézar Zílio e o empresário Willians Mischur, dono da empresa Consignum.

O empresário confessou à Justiça que pagava propina para agentes do governo Silval, que era intermediado por Zílio. O valor da propina chegava a R$ 500 mil.

O depoimento em delação premiada do empresário Willians Mischur fez a Delegacia Fazendária realizar a terceira fase e prender mais assessores do governo Silval, são eles: Pedro Elias Domingos, Sìlvio César Correa, José Nunes Cordeiro.

Foto: Hipernotícias

Veja Mais

2 comentários em “Delegado diz que filho de Silval foi beneficiado com esquema liderado pelo pai”

  1. Antonio de Araújo Carmello disse:

    Para quem crê neste Deus de Misericordia sabe que os injustos corruptos um dia tem que pagar por seus crimes. Tanto dinheiro desviados que seria para hospitais…utis…remédios…escolas…segurança pública deixaram de ser aplicados para irem pra contas no exterior e se manterem como verdadeiros reis as custas dos pobres mais necessitado.

  2. Jully Esther disse:

    Os grandes tronos desmoronam e não seria os tronecos que não demoronariam…as pessoas pensam que qualquer crime compensa…mas está aí acontecendo e chegando a hora dos poderosos cairem.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *