https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2016/05/WANDER-LUIZ-DOS-REIS.jpg

OPERAÇÃO RÊMORA

Servidor da Seduc acusado de fraude, Wander Luiz é preso em flat em Natal

Foi preso no início da tarde desta sexta-feira (05), em Natal (RN), o acusado Wander Luiz dos Reis, um dos alvos da Operação Rêmora, realizada em Mato Grosso pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco).

Ele estava em férias com a família e foi detido por integrantes do Gaeco do Ministério Público do Rio Grande do Norte, no Flat Luar da Ponta Negra. Após os trâmites legais, ele será encaminhado para Cuiabá.

Segundo o Gaeco, Wander Luiz dos Reis integrava o núcleo de agentes públicos de uma organização criminosa que fraudava licitações e contratos administrativos de obras públicas de construção e reformas de escolas.

Além dele, também foram decretadas as prisões preventivas de Fábio Frigeri e Moises Dias da Silva. Todos eram servidores da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) e já estão presos.

De acordo com o Gaeco, a organização era dividida por três núcleos e também tinha o envolvimento de empresários. Até o momento, já foram identificadas 29 pessoas com participação direta no esquema.

Já o Núcleo de Operações contava com a participação de Luiz Fernando Costa Rondon, Leonardo Guimarães Rodrigues e Giovane Guizardi. Dos três, somente Giovane Guizardi está preso preventivamente.

Os empresários envolvidos no esquema foram conduzidos coercitivamente ao Gaeco, prestaram depoimentos e foram liberados .

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *