https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2015/09/taques-dois-dois.jpg

POLÊMICA DO RGA

Com ameaça de paralisação, Taques pede que servidores não façam greve

SAMSUNG CSC

O governador Pedro Taques (PSDB) pediu, na tarde desta terça-feira (10), que os servidores públicos do Estado não deflagrem uma greve geral por conta do não-pagamento da reposição inflacionária (Revisão Geral Anual) na folha deste mês.

Conforme a legislação estadual, em maio o Governo deveria dar a reposição referente à inflação do ano anterior. Portanto, os salários deveriam ser acrescidos do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) de janeiro a dezembro de 2015, que foi de 11,27%.

Segundo Taques, a deflagração de um movimento paredista agora, em meio a uma crise econômica, representaria uma queda na receita do Estado e traria prejuízos na prestação dos serviços públicos.

“Eu peço aos servidores que continuem conosco nessa conversa. O momento é difícil economicamente no Brasil e peço aos servidores que não façam greve, sob pena de prejudicar a prestação dos serviços à população, que é a razão de todos nós servidores públicos”, afirmou. As informações são do Midianews

Veja Mais

2 comentários em “Com ameaça de paralisação, Taques pede que servidores não façam greve”

  1. PETER disse:

    O SER. PEDRO TAQUES TÁ DE BRINCADEIRA! O QUE É ISSO.

  2. Teka Almeida disse:

    Governador, depois desse aumento ao Ministério Público, sinceramente, vc acabou de apertar a sua corda no pescoço. Só o MPE tem direito a receber cartas de crédito, URV, aumento salarial, RGA e outro aumento vinculado ao STF. Isso é ou não dar tapa na nossa cara????!!!!

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *