https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2015/09/Ministério-Público-do-Estado.jpg

VEJA VÍDEO

Gaeco diz que investigações avançam e prevê novas fases da Rêmora

Divulgação

O promotor de Justiça, Marco Aurélio Castro, coordenador do Gaeco, em Mato Grosso, disse, na manhã desta quinta-feira (12), que a Operação Rêmora terá muitas novidades, porque a corrupção não parece localizada como se esperava.

“Já temos informações que o empresário, Giovani Guizardi, tinha vários contratos em outras pastas e isso merece uma análise mais detalhada, tanto do Ministério Público, como pelo próprio Governo do Estado de Mato Grosso”.

Marco Aurélio relatou que é possível que novas fases da Operação Rêmora sejam desencadeadas, já que ele diz que as investigações começam a se avançar.

O chefe do Gaeco fez um alerta durante entrevista com a imprensa, de que o empresário Giovani Guizardi não tendo contratos com a Seduc, e mesmo assim ele estava envolvido no suposto esquema, ele, Marco Aurélio, indaga se no caso da Sinfra, que o mesmo empresário tem contratos, se não haveria possíveis irregularidades.

“Me surge uma dúvida realmente se esses contratos com a Sinfra, neste momento não precisam ser avaliados sob a ótica de não ter tido algum tipo de corrupção”, comentou. Com Gazeta Digital

VEJA VÍDEO FEITO PELO SITE GAZETA DIGITAL

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *