NOTA DE ESCLARECIMENTO

Empresário, dono de loja de materiais de construção, nega ser alvo da Ararath

NOTA DE ESCLARECIMENTO À IMPRENSA E À SOCIEDADE 

Em atenção à imprensa e à sociedade, o Sr. Antonio Pascoal Bortoloto e a Empresa Todimo Materiais para Construção S.A., informam que: 

I)Tomou conhecimento, em 02 de junho de 2016, através de Sites e Blogs regionais que um de seus acionistas Sr. Antonio Pascoal Bortoloto, teria contra ele deferida ordem judicial de condução coercitiva para prestar depoimento, na 11ª fase da “Operação Ararath”. 

II)Tais notícias também vinculam o nome da Empresa Todimo Materiais para Construção S/A. como doadora a partidos políticos. 

Diante de tais notícias vem a esclarecer que: 

I)O Sr. Antonio Pascoal Bortoloto não possui qualquer envolvimento com os fatos investigados na “Operação Ararath”, que não conhece nenhum processo ou inquérito investigatório que envolva seu nome ou a Empresa Todimo Materiais para Construção S/A. 

II)Também esclarece que nunca foi intimado a prestar qualquer depoimento junto a “Operação Ararath”, e que está à disposição da justiça para prestar, espontaneamente, qualquer esclarecimento. 

III)Que até o presente momento não obteve acesso aos autos, e assim nem sabe afirmar se sequer é verdade que contra ele foi deferido ordem de condução coercitiva. 

IV)Quanto as doações de campanha, afirma que quando feitas, foram de forma licita, respeitando a legislação eleitoral. 

Cuiabá – MT, 02 de junho de 2016. 

Antonio Pascoal Bortoloto Todimo Materiais para Construção S.A.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *