https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2016/06/servidores-públicos.jpg

POLÊMICA DO RGA

Servidores Públicos em greve realizam carreata e fecham rodovia em MT

Servidores públicos em greve no Estado desde terça-feira (31), realizaram na manhã desta quinta-feira (02) uma carreata em Cuiabá. Eles saíram da Praça Ulisses Guimarães, na Avenida do CPA, e seguiram até a BR-364, próximo ao Restaurante Sinuelo.

Os profissionais fecharam a BR nos dois sentidos.  Está sendo permitida apenas a passagem de ambulâncias, viaturas, ônibus e carros de passeio.

Segundo o Fórum Sindical – que representa o funcionalismo de Mato Grosso – 28 categorias participam do ato. A paralisação afeta, entre outros, setores essenciais como Educação, Saúde e Segurança.

O movimento grevista pede o pagamento integral da recomposição da inflação de 11,27% em relação a 2015, no mês de maio conforme prevê a legislação estadual.

“Vamos permanecer aqui até as 14h. Depois retornaremos para o Centro Político Administrativo e às 16h iremos nos reunir com o governo”, afirmou o presidente do Sindicato dos Trabalhadores de Ensino Público de Mato Grosso (Sintep), Henrique Lopes.

O presidente do Sindicato dos Servidores da Área Instrumental (Sinpaig), Antonio Wagner de Oliveira relatou que a interdição da BR é um momento de radicalização do movimento grevista.

“Nós precisamos sensibilizar esse governo, seja de que forma for”, disse. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) está no local acompanhando o trânsito. O tráfego de veículos está parado na região e o congestionamento é de aproximadamente 5 km nos dois sentidos da via.

O Executivo deve apresentar, nesta tarde,  uma nova proposta aos servidores públicos para tentar terminar com a greve.

Na última segunda-feira (30), o Executivo propôs a reposição em duas parcelas: 2% no mês de setembro deste ano e 3% em janeiro de 2017, não retroativos. Os sindicalistas, por sua vez, não aceitaram a proposta.

Cáceres

Servidores públicos também interditaram a BR-070, no município de Cáceres (234 km de Cuiabá), no km 734.

A PRF também está no local acompanhamento a manifestação.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *