https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2016/06/CASAMENTO.jpg

TRATAVA CÂNCER

Paciente morre 13 dias após se casar em hospital de Cuiabá

Treze dias depois de se casar no Hospital Universitário Júlio Müller, em Cuiabá, o servidor público José Benedito de Miranda, de 49 anos, morreu neste domingo (26) após falência múltipla de órgãos.

Ele fazia tratamento contra uma fibrose pulmonar e vinha se recuperando de um câncer. Estava internado na unidade de saúde havia dois meses.

Ele se casou no dia 13 deste mês, Dia de Santo Antônio, o “santo casamenteiro”, com a agente de saúde do município, Alessandra de Assis, de 39 anos.

Eles estavam juntos havia 12 anos e oficializar a união era um desejo do paciente.

Uma cerimônia foi realizada no hospital, com a ajuda dos funcionários da unidade. A festa teve bolo, salgados, alianças e música.

Além dos comes e bebes, uma amiga de José Benedito compareceu ao local para tocar algumas das músicas preferidas do casal com um violão. Um juiz de paz foi até o local para celebrar o casamento.

A cerimônia simbólica, que ainda teve troca de alianças, aconteceu numa sala de tratamento semi-intensivo do hospital e os convidados ficaram numa sala dos médicos residentes.

José Benedito atuava como gerente administrativo da Vigilância da Saúde de Cuiabá e Alessandra é agente de saúde.

Ele atuou no Centro de Controle de Zoonoses da Secretaria Municipal de Saúde por 24 anos.

(Foto: Tchélo Figueiredo/ Prefeitura de Cuiabá)

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *