https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2016/07/ponte.jpg

RIO ARIPUANÃ

Obra da maior ponte de concreto de Mato Grosso entra na reta final

Com 350 metros de comprimento, a construção da maior ponte de concreto de Mato Grosso, localizada sobre o Rio Aripuanã, na rodovia MT-208 em Colniza (1.065 km de Cuiabá), entrou na reta final. Ela substituirá a maior ponte de madeira da América Latina.

Sob a responsabilidade da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra-MT), a construção da ponte de concreto (pista dupla) é a realização de um antigo sonho das pessoas que vivem na região Nordeste do estado.

Na época de chuva, muitas vezes os cidadãos se arriscavam na travessia dos 274 metros da antiga estrutura de madeira, enfrentando a água que encobria a ponte.

Em 2011, a ponte de madeira chegou a virar notícia nacional, após não resistir a uma forte enxurrada e ceder.

As cidades de Colniza e Aripuanã ficaram isoladas e chegaram a decretar estado de calamidade pública.

A nova ponte deve ser finalizada até agosto deste ano.

O município de Colniza também contará com outra ponte de concreto sobre o rio Guariba, em substituição da ponte de madeira localizada na rodovia estadual MT-206, no distrito de Guariba.

Esta nova estrutura possui os mesmos 128 metros de comprimento, largura de 9,80 metros (pista simples), com a previsão de entrega para o segundo semestre deste ano.

As pontes de madeira da região Noroeste de Mato Grosso foram as que mais sofreram com a falta de manutenção nos anos anteriores.

As que estão localizadas sobre os rios Guariba e Aripuanã foram arrastadas diversas vezes pela força da água acumulada dos rios no período de chuvas, deixando comunidades completamente isoladas.

Foto: Sinfra

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *