https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2016/07/IMG_5713.jpg

VISIBILIDADE

Caravana da Transformação realiza 7.500 atendimentos de cidadania

Pedro Amajunepa passou seus 68 anos de vida à margem das políticas públicas existentes para pessoas em situação de vulnerabilidade por um simples motivo: falta de documentos básicos.

Esse problema, no entanto, foi finalmente encerrado neste fim de semana, após a Caravana da Transformação passar por Barra do Bugres (a 174 km de Cuiabá), levando cidadania aos moradores.

Pedro foi apenas uma das pessoas atendidas pelas ações de cidadania coordenadas pela Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setas) durante a Caravana da Transformação.

Ao todo, foram cerca de 7.500 atendimentos realizados para serviços básicos que garantem a cidadania a qualquer cidadão, como por exemplo, emissão do registro de nascimento.

Muitos mato-grossenses ainda vivenciam essa realidade. O próprio Pedro, indígena, nascido na aldeia Umutina, não possuía sequer RG. Porém, com o auxílio da Setas conseguiu emitir o documento e a partir de agora, poderá inclusive participar de políticas de transferência de renda.

“Nunca pude fazer esses papéis, só fico na roça e é na cidade que tem essas coisas”, confidenciou. O titular da Setas, Valdiney de Arruda, acompanhou de perto o caso do indígena e evidenciou a importância da Caravana da Transformação para casos como esse. “São pessoas que estão em vulnerabilidade, à margem da sociedade e precisam ser reconhecidas”, disse.

Para que casos como esse sejam cada vez menos presenciados em Mato Grosso é que a Caravana da Transformação foi até Barra do Bugres.

No município, entre as ações de cidadania garantidas pela Setas e por parceiros, estavam emissão de CPF, ações de embelezamento, qualificação profissional e outros 25 tipos de serviços.

Entre os parceiros, órgãos como a Defensoria Pública de Mato Grosso, Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Sistema “S”, Programa Rede Cidadã, Centro de Referência de Assistência Social (Cras), Agência MT Fomento e outros. Os cidadãos puderam ainda conhecer um pouco mais sobre o “Prepara Mais”, que leva conteúdo educacional gratuito para a população.

Essas parcerias garantem que o Governo do Estado leve dignidade para todos os mato-grossenses que por algum motivo estavam invisíveis, afirmou o governador Pedro Taques.

“Nossos esforços são sempre para trazer à luz essas pessoas, garantir a dignidade. Isso se faz por meio desde a emissão de documento”, ponderou.

Ações Integradas

Quem não conseguiu aproveitar os serviços de cidadania ofertados pela Caravana da Transformação, poderá agora ser atendido pelo programa “Ações Integradas de Cidadania”, coordenado pela Setas.

As ações da pasta visitam ao longo do ano os municípios para levar acesso à documentação básica e outros serviços de cidadania, como carteira de pescador amador.

Somente em 2015, foram mais de 30 mil pessoas, em 86 municípios, atendidas. Entre os municípios já visitados, Cáceres, Santo Antônio do Leverger, Primavera do Leste, Juruena, entre outros.

Foto: Setas/Jana Pessôa

 

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *