ELEIÇÕES 2016

Veja como ficou o quadro de candidatos a prefeitos nas principais cidades de MT

Lucas do Rio Verde – Otaviano Pivetta (PSB) e seu vice Miguel Vaz Ribeiro (PPS) disputam mais uma vez o Executivo em Lucas do Rio Verde.

O arco de aliança, formado por PSB, PPS, PSDB, PC, PCdoB, PDT, PSDC, PV, PRB e PSC, terá 41 candidatos a vereador.

Caso seja eleito, será o quarto mandato de Pivetta como prefeito. A outra chapa que busca vencer a disputa é a formada por Luiz Binotti (PSD), tendo como vice Silvio Favero (DEM). Por este grupo serão lançados 33 candidatos a vereador.

Sorriso – O município de Sorriso contará com três candidatos na briga pela prefeitura municipal. Foram confirmados em convenção Ari Lafin (PSDB), que terá como candidato a vice o professor Gerson Biago (PMDB). A coligação PSDB, PMDB , PRP, DEM, PSC, PV e PSD lançou 44 candidatos a vereador.

Com chapa pura, o Solidariedade lança Júnior César Leite da Silva, mais conhecido Pé no Chão, tendo como vice Laurindo Emílio Kock. Era cotado para a ingressar na disputa o vice-prefeito Ederson Dalmolin (PSC), mais conhecido como Xuxu Dalmolin, que de última hora desistiu e hipotecou apoio ao projeto de Lafin.

Quem também não era esperado, mas acabou mudando os planos foi o prefeito Dirceu Rossato (PSB), que concorrerá à reeleição. Terá como vice Hilton Polessello (PTB), que sairia como cabeça de chapa, mas preferiu compor com o pessebista. Ambos estão amparados pela coligação “Sorriso no Rumo Certo” (PSB, PTB, PRB, PR , PP, PHS, PROS e PPS).

Chapada dos Guimarães -Thelma de Oliveira (PSDB) com o vice Osmar Froner (PRP) homologaram a coligação Chapada para Todos (PSDB, PRP, PRTB, PSL, PHS e SD) na noite desta sexta-feira (5). O grupo lançará 20 nomes à Câmara Municipal.

A chapa Gilberto Mello (PR) / Otaviano Melo (PSB) também concorrem ao Executivo Municipal. São sustentados pela Coligação Somos Todos Chapada (PR/PSB/DEM/PSC). Didi da Pousada (PTN) e o vice Tuca (PDT) entram na disputa, assim como Sidney Varanes (REDE).

Cáceres – O atual prefeito Francis Maris (PSDB) buscará a reeleição, tendo como candidata a vice-prefeita sua companheira de partido, Antônia Eliene Liberato Dias. A aliança conta ainda com o apoio do PR, PSD, PTB e PHS.

Seu principal adversário no pleito será o ex-reitor da Unemat e deputado estadual em exercício Adriano Silva (PSB), que chancelou sua chapa “Cáceres Para Todos”, no fim da noite de ontem. Terá como candidato a vice Celso Silva (DEM) e as seguintes agremiações partidárias na coligação: PP, PMDB, PRTB, PT do B, PRB, PPS e PTN.

Rondonópolis – Antes de o pleito começar, a briga foi entre os pré-candidatos Rogério Salles (PSDB) e Percival Muniz (PPS) pelo apoio do PMDB, em vista de a sigla ser maioria na Câmara de Vereadores. Salles foi até a convenção do PMDB, na companhia do deputado federal Adilton Sachetti (PSB), para articular essa união de forças, mas não foi possível.

Percival saiu vitorioso na batalha. Na ocasião, o tucano ofereceu a vaga de vice ao vereador Thiago Silva, que recusou o convite. Ao lado do candidato do PPS, concorre o vereador Doutor Manoel (PMDB), enquanto a chapa tucana complementa-se com a Professora Marildes Ferreira (PSD) como vice. Coligam-se majoritariamente e na proporcional PSDB, PSB, PSD, PP, DEM e Pros.

Percival é o atual prefeito de Rondonópolis e estava relutante em tentar a reeleição, no entanto ofocializou candidatura durante convenção partidária. A coligação “Pra frente sempre” conta com 14 partidos na majoritária, e proporcionalmente são 5 chapas para vereadores.

O deputado estadual José Carlos do Pátio (SD) também disputará a prefeitura de Rondonópolis. Entretanto, a ata ficou aberta e o nome do vice será anunciado neste sábado (6), assim como o nome da coligação, que conta com 10 partidos até agora.

Barra do Garças – Em Barra do Garças o atual prefeito, Roberto Farias (PMDB), encarará o pleito pela reeleição ao lado de Wellington Marcos (PR). A coligação “Vilmar Peres de Farias 1, 2, 3” é a maior de Mato Grosso contando com 18 siglas, podendo chegar a 19.

São mais de 120 pré-candidatos a vereador. Vilmar Peres de Farias é o pai de Roberto, também homem público. O PT lança chapa pura, com o vereador Odorico Ferreira Cardoso, o Professor Kiko, para prefeito e Professora Fátima a vice.

O DEM também encara chapa pura com os empresários Sandro Saggin e Fernando Delmondes, que também é advogado e músico, respectivamente. Os dois contam com o apoio do governador Pedro Taques (PSDB), que fez questão de estar presente na convenção do partido na semana passada.

Tangará da Serra – As convenções seguiram até tarde da noite, após muita articulação política entre os partidos.

O atual prefeito Fábio Junqueira (PMDB) tentará reeleição, com Wellington Bezerra do PMB. Bezerra é vereador e já foi Secretário de Estado Adjunto de Esportes em 2014. Vander Masson candidata-se a prefeito pelo PSDB, tendo como vice Clarice Grapéggia, do PTB.

Vander é filho do deputado estadual Saturnino Masson. Antes desses anúncios, a intenção do PTB, que tem diretório forte em Tangará da Serra, era apoiar Fábio Junqueira. Na eleição municipal passada, o PTB fazia parte do bloco de Fábio.

Mas, com a saída do então secretário de infraestrutura Chico Clemente, o partido sofreu um racha – parte seguiu apoiando Junqueira, parte Clemente. O candidato do PSD é Wanderley Reck Junior, produtor agrícola, atual presidente do Sindicato Rural e piloto de corrida nas horas vagas.

À vice, candidata-se Azenate de Carvalho (PSB). Ainda coligam o DEM, Pros, PPS, PSC, PP. Ainda concorre Sílvio Sommavilla (PDT) a prefeito e Júnior Pimenta (PT) a vice-prefeito. Sommavila é o atual presidente da Câmara de Vereadores de Tangará da Serra e comunicador social. (Com informações de Michely Figueiredo, Patrícia Helena Dorileo, Daniel Pettengill, Cleci Pavlack e Elaine Coimbra)

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *