CAIXA VAZIO

Crise econômica no Estado faz emendas parlamentares correrem risco de serem suspensas

Diante da crise econômica com redução na expectativa das receitas do Estado e aumento dos gastos, principalmente com funcionalismo, o governo do Estado já dá como certa a medida administrativa de suspender o pagamento das emendas parlamentares previstas para 2016, o que corresponde a aproximadamente R$ 31,9 milhões.

Fontes da equipe econômica do Estado asseguram que não há disponibilidade de dinheiro em caixa para atender às demandas.

Se isso acontecer, a reclamação dos deputados estaduais, principalmente da oposição, vai ser muito forte. Com DC.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *