https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2016/07/algemas-e1524844605820.jpg

FORA DE CIRCULAÇÃO

Corretor e mais dois assaltantes são presos em ação da Delegacia de Veículos

Ilustrativa

Dois homens foram presos e um adolescente apreendido pela Polícia Judiciária Civil, no final da tarde de terça-feira (13.09), durante investigação da Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos de Veículos Automotores (Derrfva). A ação resultou na recuperação de um veículo roubado.

W. M. C. e o corretor de veículos C. C. P. foram autuados em flagrante pelos crimes de roubo majorado, receptação, adulteração de sinal identificador de veículo automotor, uso de documento público falso e corrupção de menores.

O menor A.F.N.A., 17, apreendido na companhia dos suspeitos, responderá ato infracional análogo aos mesmos crimes, exceto corrupção de menores.

O suspeito W. M. C. é investigado em vários roubos a residências, na Delegacia de Roubos e Furtos (Derf). Em poder dele foi localizado um relógio valioso e um aparelho celular Iphone sem comprovação fiscal.

Os trabalhos começaram com uma denúncia sobre um automóvel, Toyota Corolla branco, supostamente clonado e produto de crime, que estaria circulando pela Avenida Mario Andreazza.

Com base nas informações, os policiais civis começaram as buscas e encontraram o carro na Avenida Carmindo de Campos, nas proximidades do bairro Jardim Paulista, em Cuiabá.

Os policiais abordaram o automóvel, que era conduzido pelo suspeito W. M. C.

No interior do automóvel estavam também o corretor de veículos, que atua na região conhecida por “Pedra”, no bairro Dom Aquino, e o adolescente.

Em checagem, os policiais observaram que a numeração de chassi demonstrava indícios de adulteração, bem como as placas aparentavam ser falsas.

Os indícios foram confirmados durante vistoria detalhada, que constatou que o veículo havia sido roubado no dia 18 de agosto, no bairro Itapajé, em Cuiabá.

Ainda na abordagem, os ocupantes do veículo apresentaram o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV).

Em pesquisa no sistema foi verificado que as cédulas foram furtadas do Departamento Estadual de Trânsito (Detran)

Questionados, o menor A.F.N.A. tentou assumir toda a responsabilidade criminal, afirmando que o veículo e o documento falso pertenciam a ele.

Os três envolvidos foram levados à Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos, onde foi constatada a ligação de Willian com outros crimes.

“A ultima ação criminosa praticada por W. M. C., ocorreu horas antes a sua prisão, em uma casa no bairro Jardim Petrópolis. Na ocasião os assaltantes subtraíram uma caminhonete S10, uma corrente de ouro, e aproximadamente a quantia de R$ 50 mil”, destacou o delegado Marcelo Martins Torhacs.

Após serem interrogados, W. M. C. e o menor foram reconhecidos pela vítima como autores do roubo efetuado, na manhã de terça-feira (13.09). Já a caminhonete S10 foi recuperada horas depois, estacionada em via publica.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *