SODOMA IV

Dono de buffet é denunciado pelo MPE por receptação e lavagem de dinheiro

O empresário Alan Malouf, dono de um buffet de luxo em Cuiabá, é um dos 17 denunciados pelo Ministério Público do Estado por suposto envolvimento junto à uma organização criminosa supostamente liderada pelo ex-governador Silval Barbosa (PMDB) no desvio de dinheiro público realizado através da desapropriação de um imóvel que corresponde ao bairro Jardim Liberdade, em Cuiabá, paga na gestão do peemedebista, durante o ano de 2014.

Segundo a denúncia do MPE, a organização criminosa solicitou e recebeu vantagem indevida no valor de R$ 15.857.125,50, para que a indenização de área desapropriada fosse paga e, ainda, com o propósito de ocultar a origem desta vultosa quantia, promoveu sua respectiva LAVAGEM, FALSIDADE IDEOLÓGICA e, por fim COAÇÃO no CURSO do PROCESSO.

Ainda segundo o Ministério Público do Estado, também foi constatada a prática de LAVAGEM DE DINHEIRO por parte de alguns dos membros da ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA, a saber: MARCEL DE CURSI, ARNALDO ALVES e PEDRO NADAF, quando, agindo em interesse próprio, buscando ocultar a origem do ganho financeiro, se associaram com o empresário Alan Malouf.

Segundo apurou as investigações, Alan Malouf adotou como medida para o distanciamento dos valores ilícitos que recebeu da organização criminosa e, separadamente, de membros, o repasse aos fornecedores do buffet que administra em Cuiabá.

Alan Malou foi denunciado pela promotora de Justiça, Ana Cristina Bardusco, pelos crimes de receptação qualificada e lavagem de dinheiro.

Caso a Justiça, por meio da juíza Selma Rosane Arruda, da Vara de Combate ao Crime Organizado, aceite a denúncia, Alan Malouf e mais 16 viram réus nessa ação penal em decorrência da quarta fase da Operação Sodoma, deflagrada pelo Gaeco.

VEJA DENÚNCIA AQUI

NOTA PÚBLICA

No dia 28 de setembro, o buffet, de sociedade de Alan Malouf, divulgou nota à imprensa que diz esperar que os fatos envolvendo o nome do empresário sejam esclarecidos pela polícia e Justiça.

O Buffet Leila Malouf vem, respeitosamente, esclarecer as notícias que vem circulando sobre a operação “Sodoma”, envolvendo o nome de um dos representantes da empresa.

Há 23 anos no mercado, o Buffet Leila Malouf, empresa genuinamente cuiabana, sempre teve como premissas valores como: trabalho, seriedade e respeito por seus clientes, fornecedores e funcionários.

Nessas mais de duas décadas de trajetória, a empresa se consolidou no mercado como uma referência de excelência e qualidade nos serviços prestados, atendendo, em sua grande maioria, aos clientes privados.

É de total interesse da empresa que os fatos sejam esclarecidos e, para isso, está à disposição para prestar todas as informações necessárias. 

O Buffet Leila Malouf aproveita a oportunidade para agradecer as manifestações de apoio e ressalta, para toda sociedade, que continua trabalhando com a seriedade que sempre fez parte dos princípios da empresa.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *