https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2016/11/8b6e167c9bc519cb955a407b74129a5e.jpg

MUDANÇA NO STAFF

Procurador-Geral do Estado, Patrick Ayala pede demissão do cargo a Taques

Patrick Ayala não é mais procurador-geral do Estado. Ele pediu demissão do cargo na tarde desta sexta-feira (25).

Patrick deve completar os dois anos no Governo Taques, já que assumiu a função no dia 1º de janeiro de 2015, quando começou a nova administração.

Ele só deixa a pasta a partir do dia primeiro de janeiro de 2017. Até lá, Taques terá tempo para escolher um novo sucessor.

O anúncio foi feito por meio de nota pública pelo Gabinete de Comunicação do Estado (Gcom).

Em poucas semanas, esta é a quarta mudança no staff do Paiaguás.

O primeiro a sair foi Eduardo Chiletto. Em seu lugar assumiu o deputado estadual Wilson Santos (PSDB).

A outra mudança foi a entrada do coordenador de campanha de Wilson, o jornalista Kleber Lima como titular do Gcom.

O jornalista Jean Campos que vinha à frente da pasta vai assumir o escritório de representação do Estado em Brasília.

VEJA NOTA DO GOVERNO DO ESTADO:

O Governo de Mato Grosso confirma o pedido de exoneração do cargo de Procurador Geral do Estado do Procurador Patryck de Araújo Ayala, para retomar às suas atividades acadêmicas como professor da UFMT.

Patryck responderá pela PGE até 31 de dezembro, prazo no qual o governador Pedro Taques escolherá o nome do seu sucessor.

A convite do governador Pedro Taques, o Procurador Ayala vai atuar diretamente com as demandas da governadoria, por meio da Casa Civil, a partir de janeiro de 2017.

Palácio Paiaguás, Cuiabá-MT, 25 de novembro de 2016.

GCOM – Gabinete de Comunicação do Governo do Estado de Mato Grosso

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *