https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2016/09/policia-civil-mt-e1519851043272.jpg

AVALIADAS EM R$ 10 MILHÕES

Polícia apreende 26 carretas roubadas e adulteradas em Mato Grosso

Assessoria/PJC

A Polícia Civil localizou uma chácara, no município de Sinop (500 km ao Norte de Cuiabá), com 26 carretas roubadas.

A investigação é da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf), iniciada na sexta-feira (25.11) depois da apreensão de uma carreta Scania, com os chassis adulterados e registro de roubo.

A Polícia Civil estima que são mais de R$ 10 milhões em carretas roubadas recuperadas.

O delegado regional de Sinop, Sérgio Ribeiro, informou que a partir da primeira apreensão, os policiais chegaram nesta segunda-feira (28) a um caminhão câmera fria e a outras duas carretas estacionadas próximas a uma madeireira, também com os chassis adulterados.

“Seguindo as pistas identificaram a chácara, no bairro Novo Jardim, usada como depósito de caminhões e carretas, cujo chassis estão adulterados”, disse.

De acordo com os levantamentos da Polícia Civil, os veículos eram roubados em várias localidades do Brasil, sendo a maior parte das placas do Sul do País, e levados para a propriedade, onde tinham os sinais identificadores (chassis) adulterados.

Até o momento, os policiais contabilizaram no local 9 cavalos mecânicos  e 18 carretas. Apenas um cavalo não foi identificado adulteração.

“Nossos policiais fizeram a checagem preliminar e todas essas carretas estão adulteradas”, afirmou o delegado.

De acordo com Ribeiro, uma pessoa está presa e os policiais trabalham para identificar os membros da quadrilha que atua no roubo, receptação e adulteração de carretas e caminhões em Mato Grosso.

“Eles construíram arranjaram essa chácara em local afastado da cidade, construíram um muro de quase 3 metros de altura para não visualizar os caminhões e aqui mantinham uma linha de produção de adulteração de veículos”, finalizou.

Peritos da Politec estão no local realizando a perícia nos veículos.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *