https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2015/09/taques-dois-dois.jpg

PRESIDÊNCIA DO SENADO

Taques diz que Justiça está sendo feita com afastamento de Renan

SAMSUNG CSC

O governador Pedro Taques (PSDB) comentou sobre o afastamento do senador Renan Calheiros (PMDB) da presidência do Senado no inicio da noite desta segunda-feira (5).

A decisão ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio Mello concedeu liminar (decisão provisória) em desfavor ao peemedebista que virou réu no Supremo.

“Eu tentei afastar o Renan quando disputei a eleição no Senado contra ele, mas perdi a eleição. E agora, a justiça está sendo feita”, disse o governador no lançamento do Portal Transparência do Governo de Mato Grosso.

Taques criticou a aprovação do pacote de medidas anticorrupção recebeu diversas alterações em sessão extraordinária na Câmara Federal, na madrugada do último dia 30.

Entre as alterações estão a anistia à prática do caixa 2, a possibilidade de juízes e promotores responderem por crime de abuso de autoridade.

 “Nenhuma legislação deve ser aprovada com emergência. Pode dar errado. Não podemos punir aqueles que estão cumprindo seu o papel constitucional”, disse.

Taques lembrou ainda que das 10 medidas, 4 foram apresentadas por ele, “corrupção como crime hediondo, caixa dois, diminuição de recursos, enriquecimento ilícito”.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *