https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2017/01/Tumulto-em-sessão-solene-no-Caiçara-Tênis-Clube.jpg

VEJA VÍDEO

Baixaria e tumulto marcam eleição de vereadores em Rondonópolis

A sessão com posse de vereadores no 1° dia do ano foi marcada por gritos, insultos e baixaria em Rondonópolis.

Tudo começou após o nome do vereador Beto do Amendoim aparecer nas duas chapas que disputavam pela cadeira de presidência da Câmara de Vereadores.

Beto  e os demais vereadores que votaram a favor da Chapa vencedora foram vaiados e insultados por grande parte das pessoas que estavam no local. Inclusive panfletos com acusações contra os legisladores foram jogados nas pessoas durante a sessão.

As informações são de que a chapa 2, ‘Rondonópolis um Novo Tempo’, que foi derrotada e tinha o vereador Hélio Pichione como candidato a presidente já estava formada e aliada com 16 dos 21 vereadores e da noite para o dia, alguns aliados mudaram de ideia e criaram uma nova chapa, que inclusive é a vencedora.

“Fiquei chateado, pois já estava definido, e da noite para o dia eles mudaram e foram para a oposição” disse Pichione.

Principio de tumulto na posso dos vereadores no Caiçara Tenis Clube - Foto: Varlei Cordova/AGORAMT
Principio de tumulto na posso dos vereadores no Caiçara Tenis Clube – Foto: Varlei Cordova/AGORAMT

O vereador Beto disse que todos possuem o livre arbítrio para mudar de decisões quando achar necessário.

“Nós éramos em 16 vereadores, a favor da Chapa 2, porém, nós não acatamos o posicionamento que a mesa tomou, e então a gente chamou o restante dos vereadores e deixamos bem claro que nós tínhamos a intenção de fazer uma nova chapa, mas que essa chapa seria uma chapa que presaria a independência” relatou o vereador Beto do Amendoim.

“A democracia vem se consolidando ao longo do tempo. Precisamos ser republicanos e tentar equilibrar o poder. Não seria de bom alvitre que o poder estivesse nas mãos de um único grupo político. A eleição acabou e agora somos todos Rondonópolis” conclui o vereador Guinâncio.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *