EM RONDONÓPOLIS

Escola tem obras retomadas após serem paralisadas por causa da Rêmora

A Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer de Mato Grosso (Seduc-MT) divulgou o edital de licitação para a retomada das obras da Escola Estadual Adolfo Augusto de Moraes, em Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá).

O projeto deverá ser retomado já no mês de fevereiro.

A escola, com mais de mil alunos, é uma das 14 unidades que será contemplada, neste ano, com o Ensino Médio em tempo integral.

As obras na unidade tiveram início em janeiro de 2016, porém, foram paralisadas pela Seduc em maio em razão da Operação Rêmora.

Na escola, será realizada a reforma dos banheiros, cozinha, refeitório e de uma sala de aula.

A empresa também será responsável pela substituição de toda cobertura existente por telha isotérmica e deverá trocar todas as esquadrias, além de realizar adequações visando atender a acessibilidade.

As instalações de segurança e de prevenção a combate a incêndio e pânico, como as hidrossanitárias, de drenagem e elétricas também deverão ser renovadas, assim como o sistema de proteção contra descargas atmosféricas.

O aviso de licitação foi divulgado pela Comissão Permanente de Licitação da Seduc, no Diário Oficial do Estado (DOE) nº 26.926, que circulou na última semana.

Conforme o aviso, a licitação será na modalidade Concorrência Pública e a seleção será realizada no auditório da sede da secretaria, em Cuiabá, às 14h do dia 07 de fevereiro.

O Edital, anexos e documentos técnicos estão disponíveis no portal da Seduc, por meio do link http://www.seduc.mt.gov.br/Paginas/Licitacoes.aspx ou junto à Comissão Permanente de Licitação.

ENSINO MÉDIO EM TEMPO INTEGRAL

A diretora da unidade, Josevânia Fonseca Silva, comemorou o anúncio, uma vez que a escola, uma das mais tradicionais de Rondonópolis, fundada em 1965, não recebia uma reforma geral há mais de 47 anos.

Josevânia destacou ainda que a escola é uma das 14 escolhidas pelo Estado para participar do projeto Ensino Médio em Tempo integral e por isso seria necessário uma série de adequações físicas para a implantação do projeto. A unidade contará com ensino médio em tempo integral já para o ano letivo de 2017.

“São muitas novidades boas neste começo de ano para a nossa comunidade escolar. Quem mais sairá ganhando com tudo isso são os nossos alunos, que contarão com um ensino com ainda mais qualidade”.

Ao todo, o projeto beneficiará 5 mil estudantes de seis municípios de Mato Grosso. A medida compreenderá, inicialmente, o Ensino Médio e faz parte do Pró-Escolas, programa desenvolvido pela Seduc-MT que abrange o desenvolvimento de ações em estrutura, ensino e inovação, com foco na melhoria da aprendizagem.

Veja Mais

Um comentário em “Escola tem obras retomadas após serem paralisadas por causa da Rêmora”

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *